André Coroado, Author at Fair Play

dji_0054.jpg?fit=1200%2C800&ssl=1
André CoroadoJulho 9, 20207min0

O clima é de incerteza na Europa e um pouco por todo o mundo, mas a bola vai voltar a sofrer ressaltos nos montinhos de areia! No final do verão, os campeões europeus, de clubes e selecções, masculinos e femininos, serão coroados nas areias Atlânticas da Ocidental Praia Lusitana. Mas que alterações conhecerá o formato das provas oficiais, excessivamente condensadas em comparação com o habitual em anos normais? Quem serão os grandes beneficiados e prejudicados?

5c4f54b526880.jpeg?fit=1011%2C575&ssl=1
André CoroadoMaio 23, 20206min0

15 anos depois, voltamos a recordar o primeiro mundial de futebol de praia sob a égide da FIFA, realizado na Praia de Copacabana, Rio de Janeiro, em Maio de 2005. O futebol de praia era bem diferente numa época em que apenas Brasil, Portugal e a eventual campeã França eram verdadeiros candidatos ao título. Nesta viagam ao passado lançamos um olhar sobre os eventos de 2005 e o crescimento avassalador que se seguiria nas edições posteriores.

el_salv.jpg?fit=1200%2C882&ssl=1
André CoroadoMarço 14, 20205min0

Nenhuma história de ascensão e queda é mais marcante no futebol de praia da última década como a de El Salvador, o grupo de pescadores que se tornaram heróis nacional na busca de um sonho, enquanto colocavam o seu país nas bocas do mundo desportivo. Nesta peça, o Fair Play recorda a saga dos Cuscatlecos e analisa um pouco o seu insucesso recente

zemaria.jpg?fit=768%2C432&ssl=1
André CoroadoFevereiro 13, 20205min0

Num momento em que Portugal celebra a conquista de mais um título Mundial, Madjer despede-se da selecção e assinala o fim de um ciclo na modalidade. São já 4 os campeões mundiais de Espinho que deixaram a equipa das quinas e abriram caminho a uma nova geração do futebol de praia lusitano. Mas quem são os eles e que legado nos deixaram?


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS