Rugby Português “lá fora”: Francisco Bessa quase deu a vitória aos culés

Francisco IsaacMarço 7, 20224min0

Rugby Português “lá fora”: Francisco Bessa quase deu a vitória aos culés

Francisco IsaacMarço 7, 20224min0
Com um ensaio de belo efeito, Francisco Bessa é o destaque desta semana, mas há muito para saber sobre os atletas portugueses a jogar no estrangeiro

Um regresso em grande para Francisco Bessa, que continua a coleccionar boas exibições na sua primeira temporada ao serviço do FC Barcelona Rugby, com o Fair Play a dar-vos conta do que se passou com os atletas portugueses neste fim-de-semana de actividade passado.

O DESTAQUE DA SEMANA: BESSA COM UM ENSAIO E MUITO MAIS

Retorno aos jogos e titularidades para Francisco Forbes Bessa, que depois de umas semanas de baixa por lesão voltou à competição oficial e, apesar do “seu” FC Barcelona Rugby não ter conseguido a vitória na recepção ao Ciências de Sevilha, o centro realizou uma prestação de grande nível, fechando-a com um belo ensaio que podia ter resultado em maiores festejos caso o pontapé de conversão tivesse entrado. O internacional de 7’s por Portugal, foi um entrave para os seus adversários sevilhanos com 12 placagens efectivas, três das quais dominantes, reforçando bem a sua posição na defesa que só em duas raras ocasiões não foi a melhor, devendo-se isso também a um problema colectivo, tendo os blaugrana sofrido logo dois ensaios nos primeiros 10 minutos de jogo, algo que acabaria por ser letal no somatório dos 80 minutos.

No que toca ao seu envolvimento no ataque, Francisco Bessa protagonizou uma mão-cheia de boas intervenções, forçando 5 erros defensivos contrários, no qual abriu caminho para duas quebras-de-linha (cinco defesas batidos), dois tackle-busts, movendo-se sempre bem no contacto, com os olhos postos não só em passar a linha-de-vantagem mas fornecer boas situações aos seus parceiros, e acabou mesmo por assinar mais um ensaio nesta sua primeira aventura em território espanhol.

Uma exibição de franca alta qualidade de Francisco Bessa, que continua assim a marcar pontos pelo Barcelona Rugby, lembrando que esteve ausente por lesão, um detalhe importante para perceber como o centro rapidamente recuperou a forma e ajudou o emblema catalão a ter outra presença dentro de campo.

NOTÍCIAS DE OUTROS JOGADORES

José Madeira fez parte do elenco do Grenoble Rugby que garantiu 5 pontos na recepção ao Nevers, aproximando-se dos lugares de playoff da ProD2. O 2ª linha voltou a prestar um trabalho de boa qualidade, com 9 placagens efectivas, quatro portagens de bola, um turnover no alinhamento.

Anthony Alves e Jean de Sousa estiveram frente-a-frente no Stade Montois vs US Montauban, com a vitória a sorrir ao pilar português, isto e apesar de ter sido o 2ª linha convertido em 3ª neste jogo – actuou como asa-fechado – ter logrado a melhor exibição dos dois, com um turnover, 11 placagens (duas delas dominantes) e uma série de boas intervenções com a oval nas suas mãos.

Francisco Fernandes actuou 45 minutos na derrota do Béziers-Herault frente ao Colomiers, e o pilar português assinou uma prestação satisfatória num jogo decidido após a sua saída. Uma penalidade conquistada na formação-ordenada, uma efectuada a defender, e 6 placagens efectivas em mais uma jornada na ProD2.

Samuel Marques voltou a entrar na máxima velocidade pelo Carcassonne, conseguindo o seu emblema e de José Lima (não jogou por opção) ganhar frente ao RC Vannes, num jogo quente e disputado até à última bola de jogo, sendo que o formação alinhou a totalidade dos 80 minutos.

Diogo Hasse Ferreira foi titular no desaire do Dax Rugby frente ao Bourgoin, numa tarde pouco positiva para o pilar português, já que acabou por ser admoestado com o cartão amarelo. De qualquer forma, na formação-ordenada apresentou-se em forma, e somou importantes minutos para o encontro com a Espanha.

Luigi Dias começou no banco de suplentes pelo Marmande, e acabou por entrar em campo à passagem do 55º minuto, altura em que o emblema francês conseguiu ganhar fôlego para garantir uma importante vitória para continuar na perseguição ao sonho de lutar pela subida à Nationale, com o 3ª linha a realiza r6 placagens e uma quebra-de-linha.

Tarde amarga para o Aubenas de Thibault de Sousa, registando uma derrota pesada frente ao Massy na Nationale (Dany Antunes não jogou), com o primeira-linha luso a manter-se em campo até à passagem do minuto 45.

José Conde somou uma excelente exibição ao serviço do Union Santaboiana, numa tarde que o emblema catalão somou 4 pontos e aproximou-se dos dois primeiros lugares da Division de Honor, tendo sedimentado a 3ª posição. O pilar ex-GDS Cascais e CDUL forçou duas penalidades ao seu adversário na formação-ordenada, foi capaz de ganhar cinco linhas-de-vantagem nas suas participações com bola, e falhou apenas uma placagem em 10 tentativas.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter