Perez vence corrida disputada até ao fim em Baku

Luís PereiraJunho 6, 20213min0

Perez vence corrida disputada até ao fim em Baku

Luís PereiraJunho 6, 20213min0
Sérgio Perez venceu uma corrida cheia de emoção em Baku, disputada até à última volta. Verstappen e Hamilton ficaram fora dos pontos.

Sérgio Perez venceu uma corrida cheia de emoção em Baku, disputada até à última volta. O mexicano venceu pela primeira vez com as cores da Red Bull, neste GP do Azerbaijão, uma corrida marcada por incidentes que fizeram os candidatos ao título não pontuarem. Charles Leclerc foi o mais rápido da qualificação pela segunda corrida consecutiva. Tal com no Mónaco, também esta Q3 ficou marcada por uma bandeira vermelha provocada por um Ferrari, só que desta vez foi Carlos Sainz a bater…

Cedo se viu que apesar da pole, o Ferrari não teria andamento para os lugares da frente, e logo na segunda volta, Hamilton passou Leclerc. Não tardou a que fossem os Red Bull a fazer o mesmo, mostrando, uma vez mais, que seria uma luta entre o campeão do Mundo e os Red Bull.

Com esta ordem, Hamilton liderava os Red Bull, mas com o equilíbrio do seu Mercedes a ficar cada vez pior, era a altura de fazer a primeira paragem do dia. Uma vez que a Red Bull tinha dois carros na frente, dava liberdade de estratégia, papel esse inverso ao que costumava ser nos anos anteriores. Só que a Mercedes decidiu ajudar a Red Bull, quando a paragem do piloto britânico foi bastante lenta, o que provocou a queda de Lewis Hamilton para trás quer de Max Verstappen e Sergio Perez.

Enquanto isto desenrolava, Lance Stroll, que ainda não tinha parado, tem um aparatoso acidente provocado por uma falha no pneu traseiro. Isso trouxe o safety car e deixou todos os pilotos em estado de alerta. E as preocupações eram genuínas! Na volta 47, Max Verstappen, que ia controlando confortavelmente, tem também o mesmo problema que Stroll, e termina a bater nos muros! Pesado castigo para o piloto da Red Bull, que via assim Hamilton com a possibilidade de ganhar muitos pontos na luta pelo título.

O acidente de Verstappen trouxe a bandeira vermelha e deixou todos com borracha nova para atacar as três voltas que faltavam para o final da corrida. No recomeço Lewis Hamilton estava tao decidido a tentar ir para a liderança que se esqueceu de desligar o mecanismo do Mercedes para aquecimento dos travões, tanto que os travões do Mercedes deitavam bastante fumo. Nesse arranque o inglês até largou melhor, mas como os travões estavam sobreaquecidos, Hamilton não teve travões para travar para a primeira curva e saiu de frente! Fora dos pontos, para mal da frustração da Mercedes e do piloto.

Desta forma Perez aguentou e venceu a corrida, sendo esta a segunda vitória da sua carreira. Em segundo lugar ficou um brilhante Sebastian Vettel, no seu primeiro pódio pela Aston Martin. O alemão foi dos últimos a parar para trocar de pneus e isso beneficiou bastante na progressão da corrida.

Em terceiro ficou o também brilhante Pierre Gasly, que aproveitou os erros e azares dos pilotos de frente para voltar ao pódio. Em quarto ficou Charles Leclerc, o melhor lugar possível, tanto que o monegasco aguentou a forte pressão de Lando Norris, que terminou em quinto.

Seguiu-se Fernando Alonso, a mostrar, no recomeço, como aproveitar para ganhar bastantes posições, sendo que o espanhol ficou à frente de Tsunoda, num bom fim de semana para a AlphaTauri.

A fechar o top 10 ficaram Carlos Sainz, na frente de Ricciardo e Kimi Raikkonen. Com este resultado Verstappen continua a liderar o campeonato, com a Red Bull a ganhar grande vantagem sobre a Merecedes no campeonato de construtores.

GRANDE PRÉMIO DO ARZEBAIJÃO

CAMPEONATO MUNDIAL DE PILOTOS


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter