Lewis Hamilton usa estratégia perfeita da Mercedes para vencer em Espanha

Luís PereiraMaio 9, 20212min0

Lewis Hamilton usa estratégia perfeita da Mercedes para vencer em Espanha

Luís PereiraMaio 9, 20212min0
Lewis Hamilton utilizou na perfeição a estratégia da Mercedes para bater Max Verstappen no GP de Espanha. Fica a saber o que se passou por Espanha

HAMILTON DÁ LIÇÃO A MAX

Lewis Hamilton utilizou na perfeição a estratégia da Mercedes para bater Max Verstappen no GP de Espanha. No Grande Prémio em que Hamilton atingiu a marca das 100 poles na carreira, foi Verstappen quem saiu melhor da grelha, ultrapassando o piloto britânico logo na primeira curva.

A partir daqui foi uma corrida de perseguição, com Lewis Hamilton a tentar sempre chegar perto de Max Verstappen. Quando o campeão do Mundo estava a chegar perto do holandês, a Mercedes chamou Hamilton para as boxes, para pneus mais frescos.

Isso levou a nova perseguição e quando parecia que iria haver uma tentativa de luta em pista, a Mercedes traz novamente Hamilton para a pneus novos. Isso foi uma surpresa para a Red Bull, que não esperava que a Mercedes optasse por duas paragens.

A estratégia levou Hamilton a ter de fazer o trabalho em pista, primeiro ultrapassando o colega de equipa, Bottas, e depois a ter de perseguir Verstappen. A seis voltas do final Hamilton apanhou e passou Verstappen, com Verstappen a conseguir apenas uma tentativa tímida de defesa.

Com esta vitória, o piloto britânico volta a ganhar pontos a Verstappen, e com este resultado ambos os pilotos fizeram o melhor arranque de temporada das suas carreiras. Temos luta!

Fora da luta pela vitória ficou novamente Bottas, na frente de Charles Leclerc, que fez uma excelente corrida e confirma o momento ascendente da Ferrari. Sérgio Perez ficou em quinto, na frente de Daniel Ricciardo, na sua melhor corrida na McLaren. Carlos Sainz ficou à frente do seu antigo colega de equipa, Lando Norris, mostrando que nesta corrida a Ferrari foi o terceiro melhor carro, à frente dos McLaren.

A fechar os pontos ficaram os franceses Esteban Ocon e Pierre Gasly.

GRANDE PRÉMIO DE ESPANHA

CAMPEONATO MUNDIAL DE PILOTOS

CAMEPONATO MUNDIAL DE CONSTRUTORES


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter