Em França quem reina é Hamilton

Luís PereiraJunho 26, 20183min0

Em França quem reina é Hamilton

Luís PereiraJunho 26, 20183min0

Lewis Hamilton venceu, sem grandes dificuldades, o GP de França. O piloto britânico da Mercedes aproveitou a já muito desejada melhoria do motor para responder a Vettel e conseguir assim a sua terceira vitória da temporada.

Hamilton conseguiu largar da pole, sem oposição e beneficiou ainda do choque entre Vettel e Bottas. A partir daí a sua única preocupação seria Verstappen, mas o piloto da Red Bull nunca conseguiu ser sequer uma ameaça.

Verstappen beneficiou bastante do incidente da primeira curva, entre Vettel e Bottas. Vettel arrancou bem e tentou passar ambos os Mercedes, mas tocou em Bottas e estragou a corrida de ambos. Bottas teve um furo e Vettel a asa partida.

Com isso também Raikkonen teve direito a terminar no pódio, no 3º lugar, à frente de Ricciardo, que não conseguiu aguentar a carga do finlandês. Com isto, as três equipas mais fortes conseguiram colocar um dos seus pilotos no pódio, o que diz muito da competitividade que tem existido este ano.

Vettel, depois do erro cometido na primeira curva, teve de fazer uma corrida de recuperação. Apesar de ter ficado nas últimas posições depois de repor uma asa nova, Vettel conseguiu utilizar o bom andamento do seu Ferrari e recuperar até ao 5º posto! Tendo em conta as dificuldades que se tem sentido para ultrapassar nas últimas corridas, é uma condução de louvar.

Já Bottas não teve tanta sorte. Apesar de também ter tido alguma recuperação, não conseguiu ir além do 7º lugar, atrás de Magnussen. Foi uma daquelas situações onde o culpado, neste caso Vettel, acabou por sair por cima do prejudicado Bottas.

Um dos destaques da corrida tem de ser a péssima prestação da McLaren. Este ano a McLaren apostou nos motores Renault e acreditava-se que iriam conseguir lutar mais próximos da frente. A verdade é que a McLaren não tem mostrado um andamento competitivo e já se começa a ver alguma contestação nas posições mais altas da hierarquia de Woking. A McLaren precisa urgentemente de resolver os problemas se quer voltar a ser uma força de destaque na F1 e desta vez já não tem a Honda para servir de bode expiatório.

Com esta vitória Hamilton voltou a ficar na liderança do campeonato, ainda que o pêndulo da competitividade esteja ainda bem equilibrado! Vettel voltou a cometer um erro que lhe custou caro, apesar que desta vez não tenha sido isso a entregar a vitória a Hamilton, mas entregou alguma vantagem pontual, que é agora de 14 pontos. Hamilton e Vettel são claramente os favoritos ao título e cada erro pode custar caro no final.

A próxima corrida, na Áustria, vai ser mais um passo importante para o novo pentacampeão da Fórmula 1, seja ele Hamilton ou Vettel.

GRANDE PRÉMIO DE FRANÇA

(foto: f1.com)

 

CAMPEONATO MUNDIAL DE PILOTOS

(foto: f1.com)

Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter