Bottas vence em nova dobradinha da Mercedes

Luís PereiraAbril 29, 20193min0

Bottas vence em nova dobradinha da Mercedes

Luís PereiraAbril 29, 20193min0

Valtteri Bottas venceu o seu segundo GP da época, vencendo no GP do Azerbaijão, à frente de Lewis Hamilton. Foi a quarta corrida da temporada e a quarta dobradinha para a Mercedes.

De certa forma, poder-se-ia falar em redenção, já que na corrida do ano passado Bottas perdeu uma vitória certa por um furo. Este ano Bottas mostrou que se queria redimir, dominando desde a qualificação, onde teve a pole, até à corrida.

Na corrida, mostrou a Hamilton que não estava ali para ficar em 2º. Hamilton arrancou melhor da segunda posição da grelha, mas Bottas mostrou-se empenhado em manter a sua linha e ficou com a primeira posição.

Hamilton ainda tentou forçar o andamento durante a corrida, chegando a estar várias vezes a distância de DRS, mas sem nunca conseguir sequer esboçar um ataque ao finlandês. Hamilton deve começar a preocupar-se com Bottas, e começar a encarar o colega de equipa como rival ao título.

Quem se esperaria que fosse o rival para a corrida para o título, Vettel, teve uma corrida algo apagada, mas que ainda assim chegou para o 3º lugar. Os Ferrari não andam a conseguir lutar com os Mercedes, e os resultados estão à vista. Ainda assim, ainda há muita época pela frente, mas algo precisa de ser revisto para os lados de Maranello.

Atrás de Vettel ficou Verstappen, fora do pódio e sem andamento para mais. Os Red Bull também não se conseguem chegar perto do andamento dos Mercedes, mas ainda conseguem ir lutando com os Ferraris.

5º lugar para Charles Leclerc, que cometeu um erro na qualificação, deixando a Ferrari a experimentar uma estratégia alternativa. Numa corrida em que costuma haver muitos safety cars, foi uma estratégia nobre, mas sem o fruto que se desejava.

O melhor dos restantes foi Sergio Perez, em 6º lugar, mostrando que é um dos traçados onde é mais forte. E um bom resultado de equipa para a McLaren, com Sainz e Norris em 7º e 8º, respetivamente.

Destaque pela negativa para Ricciardo, que numa tentativa de ultrapassagem conseguiu colocar-se a si e Kvyat fora de pista, para depois embater no Toro Rosso enquanto fazia marcha atrás… Um erro incomum na Fórmula 1, e um erro do qual Ricciardo mal conseguia esconder a sua vergonha.

Com este resultado Bottas volta para a liderança do Campeonato, com apenas 1 ponto de vantagem sobre Lewis Hamilton. Uma coisa é certa, a Mercedes não tem demonstrado um domínio a nível de andamento como noutros anos, mas os resultados não podiam ser melhores: 4 corridas, 4 dobradinhas e melhor arranque de sempre de uma equipa de F1.

GRANDE PRÉMIO DO ARZEBAIJÃO

(foto: formula1.com)

CAMPEONATO MUNDIAL DE PILOTOS

(foto: formula1.com)

CAMPEONATO MUNDIAL DE CONSTRUTORES

(foto: formula1.com)

Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter