Campeonato Paulista: Antevisão das fases decisivas

Marcial CortezMaio 10, 20215min0

Campeonato Paulista: Antevisão das fases decisivas

Marcial CortezMaio 10, 20215min0
Ao final da primeira fase, o Campeonato Paulista entra em sua reta decisiva. Acompanhe a análise e veja quem decepcionou, quem é o destaque e quem tem mais chances de faturar o certame.

O Campeonato Paulista de 2021 entra em sua fase decisiva. Após o encerramento da 12a jornada, estão definidos os confrontos das quartas de final, que serão decididos em jogo único:

Ao ver as equipas classificadas, a primeira situação que chama a atenção é a falta do Santos. Ora, o regulamento do Paulista é desenhado para que os quatro grandes cheguem às meias finais. No entanto, seguindo a tradição dos últimos anos, sempre tem uma equipa que decepciona. A bola da vez em 2021 foi o Alvinegro da Vila Belmiro. Aliás, o Peixe não só deixou de participar da festa final, como ficou no sufoco pra escapar do rebaixamento, ao garantir sua permanência na Série A1 do Estadual com a vitória sobre o São Bento de Sorocaba por 2-0.

São Paulo X Ferroviária: o Caminho Mais Fácil

Vida fácil teve o São Paulo, que conquistou 27 pontos em 12 jogos e com isso garantiu o primeiro lugar na classificação geral. O Tricolor não teve dificuldades no certame e na última rodada já entrou em campo classificado, assim como seu adversário, o Mirassol, que também obteve a classificação antecipada. Com a vitória, o tricampeão mundial garantiu o Morumbi como palco da próxima fase. O São Paulo vai enfrentar a Ferroviária, que ficou em segundo lugar no grupo.

Corinthians Sem Apuros

Em seu grupo, o Corinthians nadou de braçadas. Somou 25 pontos em 12 jogos e classificou-se com muita tranquilidade. A equipa está em formação e vem numa crescente nos últimos jogos. Vai encarar a Inter de Limeira, equipa que apesar de ter conquistado apenas um título estadual no século passado, não tem muita tradição de chegada no Paulista. O Timão deve passar para as meias finais com facilidade.

O fato curioso da vitória do Alvinegro foi que esse resultado ajudou o Palmeiras a se classificar, pois o Novorizontino era a equipa que estava a concorrer com o Verdão pela vaga nas quartas de final. Os adeptos do Palmeiras certamente comemoraram muito o gol de Luís Mandaca.

Palmeiras se Classifica com Ajuda do Timão

Vida difícil teve o Palmeiras. Devido à maratona de jogos remanescentes da época passada e à paralisação do Paulista por conta da segunda onda da pandemia, o Alviverde sofreu para chegar às quartas de final. Há três rodadas, nove entre dez adeptos do Verdão não acreditavam na classificação. Mas o Novorizontino decepcionou demais e viu a vaga escorrer entre seus dedos com derrotas e empates nas últimas jornadas. O Verdão terá o confronto mais difícil de todos, é a única disputa entre equipas de Série A do Brasileirão. Aqui tudo pode acontecer, mas ainda acredito no peso da camisa e na classificação do Alviverde.

Gustavo Scarpa, destaque na partida contra a Ponte Preta, comemora o gol e a classificação do Verdão. Foto: Cesar Greco / Palmeiras

Mirassol X Guarani, o Jogo Improvável

Por último, o “duelo caipira” entre Mirassol e Guarani. São duas equipas que não irão surpreender. O Mirassol está mais organizado e tem um time ligeiramente mais forte que o Bugre de Campinas. No entanto, o alviverde campineiro tem mais peso na camisa e historicamente já conquistou muito mais que o Mirassol, que nunca saiu dos limites estaduais. Nesse confronto eu cravo um empate, com o Guarani a classificar nas penalidades.

O Campeonato Paulista é quase uma tradição secular. Já foi o maior certame do país e já houve tempos em que o Paulistão era mais importante que a Libertadores para os clubes e para os adeptos. O maior clássico do Brasil nasceu nesse berço. Mas hoje em dia, é um torneio modorrento que serve apenas para derrubar técnicos e prejudicar o planejamento das grandes equipas.

Para torná-lo novamente grande, há que se rever o regulamento. Não, eu não defendo a extinção do Paulista, como muitos por aqui bradam aos quatro ventos. Mas não podemos ter um campeonato com 12 jornadas que não valem absolutamente nada, com um sistema esdrúxulo que privilegia a injustiça e que permite que uma equipa seja rebaixada e classificada para as oitavas ao mesmo tempo. Como se isso não bastasse, o torneio não permite o confronto direto dentro do mesmo grupo, premissa básica pra se avaliar qual é a melhor equipa de um grupo. É um dos piores, se não o pior, regulamento da História do Campeonato Paulista. E pra deixar o cenário ainda mais grotesco, o modelo atual é o mesmo dos últimos oito anos, com alterações somente no número de participantes.

Siga a página do Fair Play no Facebook

Classificação final do Paulista 21
Classificação Final do Paulista 21.
Arte: Adalberto Antunes

Que o futebol brasileiro como um todo precisa ser repensado, isso não é novidade. Mas o Campeonato Paulista é um torneio chato de se assistir, especialmente na primeira fase. Quando começam as quartas de final, cujas datas e horários serão definidos na segunda feira, 10 de maio, o certame fica interessante e divertido, com os adeptos a torcer pelos times pequenos do interior contra seus principais rivais. Mas quando um grande fica de fora, como ocorreu com o Santos, o torneio perde parte do interesse.

É mais do que urgente que se faça uma revisão do regulamento do Campeonato, para torná-lo um produto desejável como era no passado. Claro que o Paulista jamais retomará o glamour de outrora, mas esse deve ser o objetivo daqueles que criam esses formatos ridículos, sonolentos e desinteressantes como os que vemos atualmente.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter