Sérgio Pérez vence pela primeira vez na Fórmula 1

Luís PereiraDezembro 8, 20203min0

Sérgio Pérez vence pela primeira vez na Fórmula 1

Luís PereiraDezembro 8, 20203min0

É a primeira vitória do piloto mexicano, depois de 190 corridas na F1, e logo numa fase em que Pérez não sabe se vai estar na F1 no próximo ano.

Toda a emoção do GP em Sakhir começou antes de toda a ação em pista, com o anúncio de que Lewis Hamilton estava infetado com COVID-19. A Mercedes decidiu escolher Russell para o lugar do campeão do Mundo e o jovem britânico não demorou a mostrar que queria agarrar a oportunidade.

Russell partiu do segundo lugar da grelha, atrás de Bottas, mas logo no arranque ultrapassou o finlandês, ficando na liderança da corrida. Atrás da luta pelo primeiro lugar, houve um incidente, com toque entre Leclerc, Verstappen e Pérez.

Dos três, Pérez foi o único a conseguir continuar em corrida, mas na última posição. Pérez não deu a corrida como perdida e começou uma corrida de recuperação. Enquanto isso, a corrida era controlada, calmamente por Russell, com Bottas longe do seu alcance e Carlos Sainz um distante terceiro.

Russell levava uma corrida serena e controlada, que tudo parecia estar a correr muito bem, só que o destino quis pregar uma partida. O Williams que geralmente é conduzido por Russell, este fim de semana conduzido por Aitken, ficou sem asa e no meio da pista, o que trouxe um safety car.

Apesar da enorme vantagem que os Mercedes tinham, a Mercedes cometeu um erro capital e tentou uma dupla paragem com os dois pilotos, só que no meio da confusão, a Mercedes colocou os pneus errados em Bottas e em Russell.

A confusão levou a que Russell tivesse de parar outra vez e Bottas com pneus bastante usados e no meio do pelotão, com Bottas em quarto e Russell em quinto.

Bottas não tinha pneus para lutar ou subir, já Russell ia ganhando lugares, até subir ao segundo posto, atrás de Pérez. O mexicano tinha conseguido subir bastantes lugares, mas com o timing perfeito, conseguiu ficar na frente quando os restantes pilotos param no safety car.

Russell parecia estar com andamento para apanhar Pérez, mas o azar voltou a bater-lhe à porta e Russell teve de parar novamente, com um furo.

Com isto o pódio ficou fora do alcance de Russell e deixou a corrida no controlo de Pérez. Não só foi a primeira vitória do mexicano, foi também a primeira da Racing Point, que para o próximo ano será a Aston Martin.

No pódio também houve outra estreia, com Esteban Ocon em segundo, com mais um pódio para a Renault, e a fechar o pódio ficou Lance Stroll, que deu um excelente resultado para a Racing Point.

Em quarto ficou Carlos Sainz, seguido de Ricciardo, os principais prejudicados do timing do safety car. Russell ainda conseguiu recuperar até aos pontos, terminando em nono, mas ficando a suspirar pelo que poderia ter sido a primeira vitória ou pódio do britânico.

Ainda não se sabe Hamilton voltará para a última corrida em Abu Dhabi, o que pode querer dizer que esta talvez não tinha sido a última oportunidade de Russell.

GRANDE PRÉMIO DE SAKHIR

Grande Prémio de Sakhir

CAMPEONATO MUNDIAL DE PILOTOS

Campeonato Mundial de Pilotos

CAMPEONATO MUNDIAL DE CONSTRUTORES

Campeonato Mundial de Construtores

 


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter