Hamilton vence no Brasil, Mercedes Campeões do Mundo

Luís PereiraNovembro 12, 20183min0

Hamilton vence no Brasil, Mercedes Campeões do Mundo

Luís PereiraNovembro 12, 20183min0

Lewis Hamilton venceu o GP do Brasil e ajudou a Mercedes a conquistar o Campeonato Mundial de Construtores. É o 5º título consecutivo para a equipa das flechas de prata, ultrapassando a McLaren e Red Bull e ficando atrás apenas da Ferrari.

Lewis Hamilton conseguiu, mais uma vez, superar a concorrência na qualificação, conseguindo a sua 10ª pole da época. Hamilton arrancou bem, mas cedo teve de parar por causa de desgaste dos pneus.

Essa paragem deixou Hamilton preocupado com o enorme andamento de Verstappen. O jovem piloto da Red Bull estava com alto andamento e estava a ganhar lugares. Depois da sua paragem Verstappen ficou atrás de Hamilton, mas com pneus mais macios e rápidos.

Verstappen, com a sua energia habitual, aproveitou o momento e passou Hamilton, ficando na liderança. Hamilton ainda tentou lutar e voltar à liderança, mas Verstappen era simplesmente mais rápido.

Depois disso, aconteceu o grande momento da corrida. Verstappen liderava confortavelmente, enquanto Ocon estava com uma volta de atraso a ser mais rápido do que o líder da corrida. Ocon tentou ultrapassar no “S do Senna” e Verstappen não deixou muito espaço e houve um toque, que os fez dar um pião! Desastre para o piloto da Red Bull!

(foto: formula1.com)

Isso era a oportunidade que Hamilton precisava para passar para a frente. Enquanto que Verstappen, com o carro ligeiramente danificado, teve de se contentar com o 2º lugar.

No final da corrida, Verstappen, ainda revoltado com o que tinha acontecido, foi pedir satisfações a Ocon. No meio desse pedido de explicações, Verstappen teve uma atitude com pouco fair play, empurrou Ocon e ainda o ameaçou fisicamente. Os oficiais da FIA foram separar Verstappen e aplicaram uma multa ao jovem piloto.

Fora de conflito, Hamilton festejava efusivamente a vitória, que lhe soube melhor por também garantir o título de construtores para a Mercedes.

Este foi o 5º título da equipa e também de forma consecutiva, que os deixa num posto histórico da F1. Nesta era híbrida, iniciada em 2014, a Mercedes tem dominado e continua a mostrar que a aposta dos germânicos em fundar a sua própria equipa foi bem-sucedida.

A F1 ainda tem a corrida de Abu Dhabi por disputar, mas os olhos já começam a ser postos em 2019, para uma nova época com novas emoções.

GRANDE PRÉMIO DO BRASIL

(foto: formula1.com)

MERCEDES CAMPEÕES DO MUNDO DE CONSTRUTORES

O Domínio da Mercedes (foto: formula1.com)

Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter