O que esperar da 2º volta da Luta pelo Campeão da Liga BPI?

João NegreiraMarço 23, 20214min0

O que esperar da 2º volta da Luta pelo Campeão da Liga BPI?

João NegreiraMarço 23, 20214min0
Já estamos perto do fim da Liga BPI. Mas quem será consagrado campeão? Que equipa vai festejar no feminino no final da época?

Já todos sabíamos, desde o início da temporada, que a luta pelo título da Liga BPI iria ser a 4. SL Benfica, Sporting CP, SC Braga e FC Famalicão apresentam-se como as únicas equipas profissionais e, portanto, aquelas com as qualidades para lutarem pela grande consagração. Todas chegaram com relativa facilidade à fase de apuramento de campeão, mas esta era a fase difícil. Iriam encontrar-se por 2 vezes num campeonato com apenas 8 equipas, onde qualquer deslize é capital para os seus objetivos.

E bom, apuraram-se para a Fase de Apuramento de Campeão as 4 equipas já mencionadas, juntamente com Marítimo, Torreense, Albergaria e Condeixa. Ficaram pelo caminho e ainda a lutar pela manutenção outras 12 equipas. Estavam, então, definidas as 8 melhores equipas do País e aquelas que iriam lutar pelo título de campeão nacional, com a já declarada e assumida vantagem dos “4 Profissionais”.

Assim, os “Outros 4” limitar-se-iam a dar o seu melhor e honrar o seu clube, já que o seu objetivo principal estava garantido. Estes, apesar de ficarem desde logo fora das contas do título (equipas amadoras e sem condições para se baterem com os profissionais) podem ter influência na discussão desta luta, podendo, num dia bom, tirar pontos a algum dos favoritos e complicar as contas para o Apuramento do Campeão.

Mas vamos rever aquilo que aconteceu na 1ª volta (à data da publicação deste artigo a 1ª jornada da 2ª volta já se jogou). O que ainda falta jogar, quem está mais próximo do título, quem dos favoritos está mais longe e quem tem ficado aquém das expectativas.

Começando por baixo, pelos “Outros 4”, estão a lutar entre si para decidir o 5º lugar, ficando com a imagem de 5ª melhor equipa portuguesa, algo muito difícil tendo em conta a competitividade existente. Nesse capítulo o Clube Albergaria vai se destacando sem grande luta. Perdeu os 4 encontros frente aos profissionais, mas venceu os seus adversários diretos e em 8 jogos soma 12 pontos. A equipa de Paula Pinho, uma equipa já histórica no Futebol Feminino em Portugal, vai-se encaminhando a passos largos ficando bem perto do 4º classificado.

O Marítimo, o Clube Condeixa e o Torreense acabam por ter somado poucos pontos. As 2 últimas apenas empataram entre si e as madeirense apenas venceram a equipa de Nuno Cristóvão. Principalmente a equipa azul-grená que tem tido um registo defensivo nada favorável, sofrendo 39 golos em 8 jogos.  Estas 3 equipas têm agora a 2ª volta para se redimirem e mostrarem porque chegaram a esta fase e estão nas 8 melhores equipas em Portugal.

Foto: Isabel Silva Fotografia

Voltando aos “4 Profissionais” é importante referir que todos venceram todos os encontros frente aos “Outros 4” e foram apenas perder pontos nos seus confrontos diretos.

Ora na 1ª jornada tivemos um Sporting x Famalicão que terminou empatado a 2 bolas. Logo aqui, ambas as equipas perderam algum terreno para as outras 2. À 3ª jornada iríamos ter um Benfica x Braga que acabou por ser adiado, deixando a decisão para dia 21 de abril. Na 4ª jornada, o Benfica foi a Vila Nova de Famalicão vencer por 1-0 e atrasar as comandadas de João Marques na luta pelo título. À 6ª jornada o Sporting recebeu e venceu o Braga. E na última jornada da 1ª volta tivemos 2 confrontos de titãs. O Sporting bateu o Benfica e o Famalicão venceu o Braga. E com 4 equipas candidatas ao título, os deslizes calharam a todas, mas há quem esteja isolado e quem esteja (quase) arrumado.

Ainda na 1ª jornada da 2ª volta (8ª jornada) o Sporting venceu o Famalicão e consolidou a liderança isolada com 19 pontos, somando 6 vitórias e 1 empate.

Portanto, as comandadas de Susana Cova seguem isoladas na frente, com o Benfica de Filipa Patão logo atrás (que só perdeu com os eternos rivais e ainda tem que receber o Braga) e o recém-promovido Famalicão a espreitar uma surpresa. As bracarenses de Miguel Santos ainda têm um jogo em atraso, mas já perderam frente a Sporting e Famalicão, estando em 4º lugar com 15 pontos.

Ainda temos 6 jornadas (e 3 jogos em atraso) pela frente com duelos que se avizinham muito interessantes, com cada uma destas 4 equipas a não querer deixar fugir o título de campeão nacional. Quem conseguirá superar-se a todos os outros? O que esperar desta 2ª volta?

E assim, são as leoas que seguem na frente da Longa Linha de Comboio que apenas tem paragem marcada na estação do Campeão.

Foto: Isabel Silva Fotografia


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter