NBA Draft: As possíveis 60 escolhas na classe de 2019

Tiago MagalhãesJunho 18, 201920min0

NBA Draft: As possíveis 60 escolhas na classe de 2019

Tiago MagalhãesJunho 18, 201920min0
O Draft da NBA realiza-se esta semana e as possíveis 60 escolhas na classe de 2019 estão a dar muito que falar nesta off season recheada de possíveis mudanças em muitas franchises. O Fair Play, novamente, traz-te o único Mock Draft disponível, totalmente em português.

A noite de 20 para 21 de Junho será, mais uma vez, uma de grande emoções, com 60 jogadores de varias nações a serem escolhidos para realizar o seu maior sonho, tornarem-se jogadores da NBA. Infelizmente, a noite não será só de coisas boas, e com estas 60 escolhas, muitos outros irão ficar de fora, pelo menos para já, da melhor liga do mundo.

As 14 primeiras escolhas do Draft sao denominadas como as “Escolhas da lotaria” e foram acertadas na noite da NBA Draft Lottery de onde saíram os New Orleans Pelicans como grandes vencedores. Para alem de possuírem a primeira escolha deste ano, devido a troca que realizaram com os Los Angeles Lakers para onde enviaram Anthony Davis, garantiram a quarta escolha neste mesmo draft.

 

1. Zion Williamson | Duke University

Estamos perante a primeira escolha clara desta classe de 2019. O extremo/poste proveniente da ACC foi o maior destaque este ano na NCAA tendo ganho o Player of the Year e tendo realizado uma temporada histórica a nível ofensivo no que conta a eficácia. Falamos de um dos jogadores mais atléticos que vimos nas ultimas décadas e que possui comparações com jogadores como LeBron James, Blake Griffin e Larry Johnson.

 

2. Ja Morant | Murray State

Alinhando por uma faculdade considerada “mid major”, Ja Morant mostrou enormes capacidades atléticas no seu jogo o que lhe valeu comparações com Russell Westbrook e John Wall, a titulo de exemplo. Apesar de ser um jogador com uma grande capacidade de salto, certamente que vai ter problemas contra o jogo físico de alguns dos seus adversários já que falamos de um jogador que nem 80 kilogramas possui. Realizou grandes exibições no March Madness onde foi o único jogador a chegar ao triplo duplo numa partida, este ano.

 

3. RJ Barrett | Duke University

O extremo de Duke ja possui algumas internacionalizações pela selecção canadiana sénior, e certamente vai marcar presença no próximo Campeonato do Mundo, se não abdicar de tal. Um scorer puro, com corpo totalmente preparado para o jogo físico da NBA, Barrett precisa de melhorar a sua consistência de lançamento para se tornar um jogador temível ofensivamente. Encaixando em New York possivelmente com alguma super estrela, seria um passo interessante para ele.

 

4. Jarrett Culver | Texas Tech

Na procura da próxima estrela da NBA, Jarrett Culver costuma ser comparado a Paul George devido a sua enorme versatilidade de jogo sendo que pode vir a ser um membro importante quer a nível ofensivo, quer a nível defensivo. Um Shooting Guard de 2,01m, capaz de criar o seu próprio lançamento de variadas formas e que foi o maior destaque da universidade de Texas Tech que chegou de forma fantástica a Final 4 da NCAA.

 

5. Cam Reddish | Duke University

Na sombra dos seus companheiros de equipa Zion Williamson e RJ Barrett, Cam Reddish passou um bocado ao lado do estrelato na sua única temporada da NCAA. Após ter realizado alguns workouts privados para algumas das equipas, o extremo passou a ser considerado provavelmente o melhor lançador deste draft. Um jogador dotado ofensivamente e que pode vir a ser importante na manobra ofensiva de uma equipa que precisa de jogadores que façam pontos, como acontece em Cleveland.

 

6. Darius Garland | Vanderbilt

O base de Vanderbilt não realizou nem sequer metade da temporada na NCAA depois de ter contraído uma lesão grave no joelho que fez com que não actuasse ate ao final da temporada. Garland não tem um histórico muito mau contra ele, já que Dennis Smith Jr teve na mesma posição dele em North Carolina State, com a mesma lesão. Estamos perante um base com excelente capacidade de atacar o cesto, mas que poderá ter dificuldades frente a bases mais fortes fisicamente.

 

7. Coby White | North Carolina

White foi o líder incontestável na posição de base no conjunto de Roy Williams o ano inteiro. Apesar da presença de jogadores como Luke Maye e Cameron Johnson, Coby White demonstrou ser um base que poderá encaixar facilmente em muitas equipas e contribuir dos dois lados do campo com bastante regularidade. Impossível não afirmar que estamos perante o jogador com o melhor penteado deste Draft.

 

8. DeAndre Hunter | Virginia

Um dos obreiros do titulo deste ano por parte da Universidade de Virginia, DeAndre Hunter chegou a ter o nome na lista primaria para o Draft de 2018 sendo que acabou por retirar devido a ter perdido alguma cotação após ter partido a mão antes do March Madness. Um 3 and D perfeito para a NBA actual, precisa de mostrar maior solidez ofensiva se quer tornar-se um jogador determinante na manobra ofensiva de uma equipa.

 

9. PJ Washington | Kentucky

Num conjunto de Kentucky onde a juventude e inexperiência imperava, Tyler Herro e Keldon Johnson foram bons destaques mas o maior destes foi mesmo PJ Washington. Um jogador extremamente versátil que poderá actuar em tres posições diferentes e que poderá acrescentar muito a uma equipa dos Washington Wizards que não se sabe bem que rumo querem tomar actualmente para a sua franchise.

 

10. Brandon Clarke | Gonzaga

Se Clarke não estivesse já com 22 anos de idade, estaríamos certamente a falar de um jogador a rondar o top 5 na classe deste ano do Draft. Um jogador interior extremamente atlético (sendo que no Draft Combine teve números históricos), o poste de Gonzaga poderá ser um jogador interior para jogar no small ball e defender praticamente todas as posições em trocas defensivas. Ofensivamente também poderá ser um excelente passador.

 

11. Sekou Doumbouya | Limoges (France)

Possivelmente o primeiro prospecto internacional a ser draftado, Sekou Doumbouya mostra ser claramente um projecto de futuro para quem o draftar. No inicio da temporada este confinado ao top 5 desta classe mas os poucos minutos que teve na LNB francesa fizeram com que caísse ligeiramente. Acabou por explodir na altura certa sendo que no fim da época teve um dos seus melhores jogos com 34 pontos.

 

12. Jaxson Hayes | Texas University

O primeiro Center puro deste Draft, Jaxson Hayes foi dos jogadores que mais subiu no Draft durante toda a temporada da NCAA onde representou Texas. Estamos perante um projecto de futuro muito interessante com comparações reais a Clint Capela no que toca a serem jogadores interiores, pouco polidos ofensivamente e capazes de correr o campo protegendo muito bem a tabela defensiva com a sua capacidade de alterar lançamentos.

 

13. Romeo Langford | Indiana University

Com a retirada oficial de Dwyane Wade, os Miami Heat perdem um lugar de vulto na posição de Shooting Guard e sendo assim a escolha do jovem Romeo Langford parece-me de enorme interesse para a equipa de South Beach. Um scorer puro, capaz de por a bola no cesto de enormes formas, o extremo de Indiana só não subiu mais no Draft porque não teve uma exibição que enchesse o olho aos scouts, numa equipa extremamente regular.

 

14. Nickeil Alexander Walker | Virginia Tech

O primo do base dos Los Angeles Clippers Shai Gildeous Alexander, foi um dos grandes destaques da temporada em Virginia Tech nos dois lados do campo. Numa franchise que poderá passar uma ligeira incerteza como a dos Boston Celtics, a escolha de NAW seria uma boa opção já que Brad Stevens gosta deste tipo de jogadores – consistente, regular, que não erra muito e que faz exactamente o que lhe pedem no campo.

 

Num Draft extremamente difícil de prever, aqui ficam as possíveis escolhas para as restantes possíveis.

 

Escolha Nome Posição Pais Origem Equipa que escolhe Universidade/Clube Origem
15 Kevin Porter Jr SG USA Detroit Pistons USC
16 Bol Bol PF USA Orlando Magic Oregon
17 Nassir Little SF USA Atlanta Hawks North Carolina
18 Grant Williams PF USA Indiana Pacers Tennessee
19 Cameron Johnson SF USA San Antonio Spurs North Carolina
20 Goga Bitadze C Georgia Boston Celtics Mega Bemax (Serbia)
21 Talen Horton-Tucker SF USA Oklahoma City Thunder Iowa State
22 Rui Hachimura PF Japan Boston Celtics Gonzaga
23 Luka Samanic PF Croatia Utah Jazz Petrol Olimpija (Slovenia)
24 Keldon Johnson SG/SF USA Philadelphia 76ers Kentucky
25 Chuma Okeke SF USA Portland Trail Blazers Auburn
26 Bruno Fernando C Angola Cleveland Cavaliers Maryland
27 Jalen McDaniels SF USA Brooklyn Nets San Diego State
28 Luguentz Dort SG Canada Golden State Warriors Arizona State
29 Ty Jerome PG USA San Antonio Spurs Virginia
30 Nicolas Claxton C USA Milwaulkee Bucks Georgia
31 Daniel Gafford C USA Brooklyn Nets Arkansas
32 Tyler Herro SG USA Phoenix Suns Kentucky
33 Jontay Porter C USA Philadelphia 76ers Mizzouri
34 Dylan Windler SF USA Philadelphia 76ers Belmont
35 Carsen Edwards PG USA Atlanta Hawks Purdue
36 Admiral Schofield SF USA Charlotte Hornets Tennessee
37 KZ Okpala SF USA Dallas Mavericks Stanford
38 Shamorie Ponds PG USA Chicago Bulls Saint Joe
39 Mfioundu Kabengele C Canada New Orleans Pelicans Florida State
40 Louis King SF USA Sacramento Kings Oregon
41 Darius Bazley PF USA Atlanta Hawks (Nao jogou este ano)
42 Deividis Sirvydis SF Lithuania Philadelphia 76ers Lietuvos Rytas (Lithuania)
43 Isaiah Roby SG/SF USA Minnesota Timberwolves Nebraska
44 Matisse Thybulle SF USA Atlanta Hawks Washington
45 Zach Norvell SG/SF USA Detroit Pistons Gonzaga
46 Joshua Obiesie SG Germany Orlando Magic Wurzburg (Germany)
47 Iggy Bradzeikis SF Lithuania/Canada Sacramento Kings Michigan
48 Charles Bassey C USA Los Angeles Clippers Western Kentucky
49 Kyle Guy SG USA San Antonio Spurs Virginia
50 Myie Oni SG USA Indiana Pacers Yale
51 Josh Reaves SG USA Boston Celtics Penn State
52 Naz Reid PF USA Charlotte Hornets LSU
53 Aric Holman PF USA Utah Jazz Mississipi State
54 Tacko Fall C Senegal Philadelphia 76ers Central Florida
55 Simi Shittu C UK/Canada New York Knicks Vanderbilt
56 Sagaba Konate C Mali Los Angeles Clippers West Virginia
57 Tremont Waters PG USA New Orleans Pelicans LSU
58 Alan Smailagic PF Serbia Golden State Warriors Santa Cruz Warriors (G League)
59 Jordan Poole SG/SF USA Toronto Raptors Michigan
60 Kris Wilkes SG USA Sacramento Kings UCLA

Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter