Conquista com sabor agridoce

João de MatosMarço 28, 20213min0

Conquista com sabor agridoce

João de MatosMarço 28, 20213min0
Portugal venceu a França e qualificou-se para o torneio de andebol dos JO marcados para este ano e João Matos relembra o feito neste artigo
Overview
Portugal venceu a França e qualificou-se para o torneio de andebol dos Jogos Olímpicos marcados para este ano em Tóquio.
0%
Portugal garantiu, em Montpellier, o apuramento para os Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão, no próximo verão.
0%
Summary

Portugal venceu a França e qualificou-se para o torneio de andebol dos Jogos Olímpicos marcados para este ano em Tóquio. Portugal garantiu, em Montpellier, o apuramento para os Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão, no próximo verão.

Overall score 0%
0 min100

No torneio pré-olímpico, Portugal precisava de bater os gauleses para ‘roubar’ a vaga à Croácia, que tinha derrotada a Tunísia e, portanto, somado duas vitórias neste grupo, o que forçava um resultado histórico dos atletas lusos. Mesmo depois de um péssimo início, em que Portugal chegou a estar a perder por 3-9, recuperação notável na segunda parte teve a ‘cereja no topo do bolo’ no último minuto, altura em que Portugal chegou, finalmente, à vitória, com um golo no último segundo do jogo por Rui Silva. ‘Por Portugal e por ti’, numa referência ao malogrado Alfredo Quintana, que morreu em 26 de fevereiro na sequência de uma paragem cardiorrespiratória, foi o lema que orientou os ‘heróis do mar’ na superação de todas as adversidades. Esta será a primeira vez que Portugal coloca uma modalidade de pavilhão nos Jogos Olímpicos, uma vez que no ano de 1992, em Barcelona, a seleção de hóquei em patins marcou presença como modalidade experimental do maior evento desportivo do Mundo.

Portugal e especialmente o Professor Paulo Jorge Pereira, precisa de, infelizmente, encontrar um substituto para defender as balizas da nossa seleção nacional, depois do sucedido com Alfredo Quintana. Os principais candidatos ao lugar passam por dois jovens guardiões, sendo Gustavo Capdeville e Manuel Gaspar, que atuam no Sport Lisboa e Benfica e Sporting, respetivamente. São dois jovens com muito talento, sendo Gustavo considerado o próximo grande guarda redes do andebol mundial, apenas com 23 anos tem muita experiência, desde logo atua num dos maiores clubes portugueses e já é internacional A por 12 ocasiões, sendo um titular absoluto das seleções jovens masculinas de andebol.

Manuel Gaspar é um ano mais jovem que que Gustavo, sendo o titular da baliza do Sporting, coisa que Gustavo ainda não conseguiu conquistar, tendo pela frente grandes guardas redes na sua equipa, os casos do experiente Borko Ristovski e neste momento Sergey Hernández, jovem espanhol que transborda talento. É uma decisão muito complicada para Paulo Jorge Pereira, sendo que são ambos grandes guarda redes. Talvez o melhor seja intercalar entre os dois, pois seguramente a nossa baliza estará fechada a 7 chaves.

Fica uma nota para o bonito gesto do Sport Lisboa e Benfica que decidiu prestar homenagem a Alfredo Quintana, guarda-redes luso-cubano que faleceu no passado dia 26 de fevereiro, depois de ter sofrido uma paragem cardiorrespiratória durante um treino do FC Porto.

As águias anunciaram que a camisola usada por Arnau García no jogo contra o Maia/ISMAI, a 2 de março, será exposta no Museu Cosme Damião «para que a memória nunca se apague» sobre o eterno guarda-redes dos dragões e da Seleção Nacional.

Fonte: slbenfica.pt

Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter