O Big Deal à Fair Play: Jason Denayer, juventude e talento em Lyon

Rui MesquitaAgosto 26, 20183min0

O Big Deal à Fair Play: Jason Denayer, juventude e talento em Lyon

Rui MesquitaAgosto 26, 20183min0
Jason Denayer chega a Lyon para ser afirmar com um dos melhores centrais da sua geração! Descobre o que pode o jovem belga trazer à equipa francesa!

JASON DENAYER (MANCHESTER CITY -» LYON)

Nome: Jason Grégory Marianne Denayer

Idade: 23 anos

Nacionalidade: Belga

Épocas fora da Bélgica: 5

Temporada 17/18: 22 jogos / 0 golos

Valor de Mercado: 3 milhões de euros

Valor da Transferência: 6,5 milhões de euros

O Olympique de Lyon ficou-se pelo terceiro lugar da Ligue 1, a 2 pontos do segundo Mónaco mas apenas com mais 1 do que o quarto Marselha. Os objetivos da equipa passavam precisamente por aí, segurar o terceiro lugar e atacar um fragilizado Mónaco. Agora, porém, a ambição passa por conquistar o segundo lugar e até importunar o “todo-poderoso” PSG.

Apesar de ter terminado o campeonato passado com o segundo melhor ataque da prova, o Lyon teve apenas a quinta melhor defesa e é por isso que chega Denayer ao plantel. O eixo da defesa da equipa francesa está recheada de experiência onde faltava a juventude de Denayer. Marcelo (o capitão) será um complemento excelente ao jovem belga que aprenderá imenso com um central de créditos firmados.

Mas o que pode, efetivamente, a juventude de Denayer trazer ao Lyon? Apesar da tenra idade, o belga já demonstra um sentido posicional acima da média e é impetuoso. Chega quase sempre primeiro à bola graças à sua velocidade e é imperial no jogo aéreo. Mas o que o destaca de outros jovens centrais e a capacidade de sair a jogar. Não tem medo de arriscar e tem uma boa qualidade de passe e condução de bola. Graças a isso, pode ainda jogar a lateral direito ou a médio defensivo onde faz mais uso destas suas qualidades.

A sua velocidade e ímpeto fazem-no dobrar com excelência os seus laterais, quando necessário. É inteligente a aguentar no 1×1 e agressivo na medida certa. Os seus problemas são a desconcentração e, por vezes, o excesso de confiança tanto a defender como a sair com bola.

Desde 2013 (com 18 anos) que Denayer faz parte dos quadros do Manchester City. Os ingleses acreditaram no potencial do belga, mas o central nunca jogou pela equipa principal do City. Esteve emprestado ao Celtic, ao Galatasaray, ao Sunderland e, na última temporada, de novo ao Galatasaray. Apesar da qualidade evidenciada (principalmente na Escócia e na Turquia), Denayer nunca convenceu os técnicos do City.

Neste verão terminou a ligação do central ao campeão inglês com o Lyon a pagar 6,5M€ pelo seu passe. Com 23 anos tem uma carreira pela frente e jogar ao lado de centrais experientes só elevará o seu jogo.

Pela seleção, apesar de já contar com 8 internacionalizações, Denayer não foi chamado ao Mundial 2018. Quem sabe se, afirmando-se num dos melhores clubes franceses, Roberto Martínez o inclui nas suas escolhas.

Denayer tem uma qualidade inegável e uma margem de progressão fantástica. Depende de si (e das oportunidades que tiver, claro) melhor o seu jogo de forma a cometer menos erros e tornar-se um dos melhor centrais da sua geração. O campeonato, a equipa e a companhia não podiam ser melhores!


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter