O melhor negócio da semana (Portugal): Éder Militão rima com Dragão

Francisco IsaacAgosto 2, 20183min0

O melhor negócio da semana (Portugal): Éder Militão rima com Dragão

Francisco IsaacAgosto 2, 20183min0
Sérgio Conceição recebe o seu segundo reforço para a defesa com a chegada do polivalente Éder Militão. Quem é o jovem ex-São Paulo FC?

O Fair Play acompanha diariamente o mercado de transferências com seus artigos “ao minuto” e o sinalizar do melhor negócio a nível internacional e nacional aos fins-de-semana. Podes acompanhar todas as transacções no teu site de Desporto com Opinião!

ÉDER MILITÃO (FC SÃO PAULO -» FC PORTO)

Idade: 20
Nacionalidade: Brasileira
Épocas na Europa: Nenhuma
Temporada 17/18: 33 jogos, 3 golos e 1 assistência
Valor de Mercado: 8M€
Valor de Transferência: 4M€ (90% do passe)

Depois de Chance Mbemba, agora é a vez de Éder Militão chegar ao FC Porto a troco de quase 5M€. O, jogador  finda a sua ligação com o São Paulo, clube que o colocou na roda-viva do futebol brasileiro, tendo o lançado no Brasileirão em 2017 com 19 anos de idade na altura. Passado um ano, o defesa polivalente cresceu de uma forma extraordinário afirmando-se como um dos novos grandes nomes do futebol jovem brasileiro.

Com 1,87 de altura, afirmou-se inicialmente no centro da defesa operando bem no eixo dos tricolores, em que a sua fisicalidade era notável apesar da idade muito tenra. Ao contrário de outros centrais brasileiros, Militão sabe sair com o esférico a partir da defesa, não se intimidando perante a pressão dos extremos ou avançados rivais, o que prova a sua maturidade e capacidade de leitura de jogo.

Afirmou-se com veemência no São Paulo não só na forma como trabalha dentro da área (é um atleta forte no jogo aéreo, ganhando a maioria dos confrontos no ar, marcando bem o tempo de salto) ou na criação de pressão aos atacantes adversários, mas também na participação da construção de jogo ofensivo e na presença na área.

É um central moderno, que sabe ter a bola nos pés, gerindo bem a posse de bola, arriscando na subida no terreno sempre que a equipa o pede, o que confere um equilíbrio interessante à manobra ofensiva da sua equipa. A somar a isto é a presença na área, no pendor ofensivo que assume e na propulsão de salto que fazem do polivalente um atleta exímio no ataque às redes adversárias.

Posto esta avaliação de Militão… como vai encaixar-se no desenho estratégico de Sérgio Conceição? Será que o treinador do FC Porto vai ter coragem de utilizar o jovem de 20 anos ao lado de Felipe e formar uma defesa quase 100% canarinha, com Alex Telles e João Pedro nas laterais? Mbemba está lesionado, não existindo ideia para quando o seu regresso, o que implica a estreia de Militão antes do tempo.

Conceição aprecia centrais com capacidade de ter a bola no pé, que não caiam facilmente nas armadilhas dos adversários e que apareçam na área com uma raça total. É um central que está pronto para crescer e assumir-se como um dos novos defesas brasileiros em voga e no FC Porto pode ter esse espaço. Rápido, ágil, forte e vibrante, é um central à Conceição… o problema pode ser o pragmatismo e inteligência que emanava de Ivan Marcano.

4M€ por um jogador de 20 anos e que em uma época e meia completou 35 jogos pelo São Paulo, num dos campeonatos mais complicados do Mundo.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter