Os 5 reforços de topo do Brasil em 2019

Rafael RibeiroFevereiro 10, 20197min0

Os 5 reforços de topo do Brasil em 2019

Rafael RibeiroFevereiro 10, 20197min0
O futebol no Brasil já está a todo vapor e aqui vamos descobrir quais equipas se reforçaram melhor até o momento. Não somente com jogadores, mas treinadores de renome também estão no Brasil para a época de 2019.

Com os campeonatos estaduais em andamento, e algumas equipas já envolvidas até em competições continentais, chega a hora de criar um parâmetro e definir quais foram as principais adições deste ano, as contratações feitas para potencializar o plantel daqueles que, entre outras disputas, se preparam para o Brasileirão 2019, e o Fair Play lista os 5 principais reforços.

Como já se fala nos últimos anos, Flamengo e Palmeiras despontam como equipas mais fortes financeiramente para investir em jogadores badalados. Cruzeiro, Grêmio e São Paulo, seguem logo atrás para manterem suas equipas competitivas. Além destes, Corinthians e Santos, com menos condições para potencializarem seus elencos, também conseguiram contratações pontuais interessantes.

  1. Gabigol e Arrascaeta (Flamengo)

A liderança da lista não se dá por um jogador apenas, e sim por uma dupla recém chegada ao Flamengo. Gabigol, por empréstimo cedido pela Internazionale com o prazo de uma época, e De Arrascaeta, médio ofensivo contratado junto ao Cruzeiro por algo em torno de 15 milhões de euros, após longas conversas e desentendimentos entre cariocas e mineiros.

Gabigol chega como o artilheiro do Brasileirão em 2018 pelo Santos, com 18 golos. Havia ao final da época uma discussão interessante se Gabriel poderia retornar aos relvados europeus para enfim ter uma sequência de jogos pela Inter ou outra equipa europeia. Houve sondagens de algumas equipas, principalmente do West Ham, porém o próprio jogador preferiu a proposta rubro-negra, ao mostrar publicamente sua vontade de jogar pelo Flamengo.

De Arrascaeta foi sensação não só em 2018 como também em 2016, quando fez 9 golos e deu outras 9 assistências para ser um dos melhores do Brasileirão daquela edição. A história teve contornos dramáticos quando, agora em Janeiro, o uruguaio não se reapresentou ao Cruzeiro devido à aproximação flamenguista. Os números exorbitantes de salário e de propostas fizeram o Cruzeiro, com pesar, aceitar a proposta e liberar o médio ofensivo. Chega muito bem ao ataque, tem bons passes e bons arremates, e parece nesse primeiro momento ser titular da equipa para 2019.

Arrascaeta e Gabigol são os principais destaques desta época no Flamengo. (Foto: André Durão)
  1. Ricardo Goulart (Palmeiras)

Um dos principais jogadores das últimas épocas na Chinese Super League, Goulart sai da Ásia com 13 golos e 4 passes na edição de 2018, 20 golos e 9 passes em 2017. Números menores em 2018 pois Goulart ainda trata de uma lesão em seu joelho, utilizando as instalações do próprio Palmeiras para tal. Esta aproximação fez com que o desfecho fosse positivo para ambos. Um empréstimo de 1 ano, com parte dos salários bancada pelo Guangzhou Evergrande, e a promessa de rápida recuperação para dominar o meio campo palmeirense, já que Lucas Lima e Gustavo Scarpa ainda não apresentaram seu máximo.

Goulart está finalizando sua recuperação (joelho direito) para estrear pelo Palmeiras. (Foto: divulgação)
  1. Hernanes e Pablo (São Paulo)

Outra dupla aparece em nossa lista top5, desta vez em uma equipa paulista. Hernanes teve passagem recente pelo São Paulo, e foi o responsável por manter a equipa na série A em 2017, já que o ano foi para esquecer. Um ano depois, retorna ao tricolor após conseguir sua saída do Hebei Fortune. Já Pablo foi destaque do Athletico Paranaense em 2018, e conquistou a Sulamericana com a equipa do Paraná.

Hernanes não chegou a ser destaque na China nestas últimas épocas. Oscilou entre a equipa principal e não ser relacionado para vários dos jogos chineses. Com a falta de aproveitamento, ficava próximo de um retorno à equipa que sempre teve ótima relação. Ainda assim, Hernanes chega como um destaque ao Brasil, tido como um jogador que pode mudar o patamar da equipa, mesmo que até agora o São Paulo tenha ido muito mal no começo de ano.

Já Pablo, avançado versátil que vem do Athletico Paranaense, se destacou quando começou a jogar centralizado, apesar de também fazer uma função de jogar pelas pontas do ataque. Com bom chute e cabeceio, Pablo certamente foi um dos jogadores valorizados desta janela, disputado também pelo Flamengo, chegou ao São Paulo por algo em torno de 6 milhões de euros.

Hernanes e Pablo são os principais reforços do tricolor. (Foto: Érico Leonan)
  1. Fábio Carille (Corinthians)

A quarta e quinta posições da lista se destinam a treinadores. Boas contratações e que mexem com a rivalidade paulista, se relacionarmos com as contratações de Palmeiras e São Paulo. Para tal, o Corinthians trouxe de volta Fábio Carille, treinador campeão com o Corinthians em 2017. Após rápida passagem pelo Al-Wehda, somente 6 meses depois o treinador brasileiro retorna à equipa paulista, quase como uma esperança de dias melhores.

Isto porque o ano de 2018, mesmo com a conquista do campeonato paulista pelo próprio Carille, não deixou um bom sentimento aos adeptos. Com a chegada de Carille, a equipa paulista também conseguiu bons reforços. Ramiro (médio defensivo do Grêmio) e Gustagol (um dos artilheiros da Série B com o Fortaleza) se destacam neste começo de ano, além das boas adições dos avançados Vagner Love e Mauro Boselli.

Carille chega mais experiente para sua segunda passagem pelo Corinthians (Foto: Marlon Costa/Futura Press)
  1. Jorge Sampaoli (Santos)

Cotado muitas vezes no Brasil, mas em momentos em que estava em melhores condições no mercado (tanto de equipas ao dirigir o Sevilla na Espanha, quanto de seleções, ao comandar a Argentina até o Mundial de 2018), desta vez sua vinda calhou ao Santos. É fato que justamente estes últimos dois trabalhos não tiveram tanto brilho, principalmente ao acumular problemas fora das quatro linhas em ambos os casos, até com mais força em sua seleção natal, quando não conseguiu gerir as estrelas argentinas na Copa da Rússia.

Chega ao Santos também com algumas polêmicas, reclamando de falta de contratações, falta de um plantel competitivo, pedindo inclusive a contratação de outro guarda-redes, em momento que o atual, Vanderlei, é tido como ídolo da equipa e praticamente incontestável na lista de titulares. Ainda assim, o que se viu até agora foi de encantar. Uma proposta ofensiva, de muitos passes e de um futebol bem vertical, fazem do Santos a equipa que aparece mais bem treinada ao começo dos campeonatos estaduais.

Sampaoli deu cara nova ao Santos e desperta muitos elogios. (Foto: Twitter/SantosFC)

O ano de 2019 certamente reserva outras surpresas, como a chegada de Bruno Henrique no Flamengo, Réver de volta ao Atlético Mineiro e Paolo Guerrero de volta ao Inter após suspensão de doping, Paulo Henrique Ganso no Fluminense, Cueva no Santos, Rodriguinho no Cruzeiro, entre outros nomes. Também são destaque mas não chegaram a figurar no top 5, apesar de poderem provar ao longo desta época terem sido contratações tão importantes quanto as citadas acima. Basta acompanharmos para compararmos no futuro.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter