Premiership 20/21 5ª Jor: Os Gigantes também tropeçam

Helena AmorimJaneiro 4, 20214min0

Premiership 20/21 5ª Jor: Os Gigantes também tropeçam

Helena AmorimJaneiro 4, 20214min0
Os Exeter Chiefs foram atropelados pelos Wasps RFC e esta foi a grande novidade da 5ª jornada da Premiership como explica Helena Amorim

Na quinta jornada da Premiership, primeira de 2021, mais dois jogos cancelados devido ao coronavírus e um tropeção significativo dos Exeter frente aos Wasps, naquela que foi a reedição da final de 2020.

Na jornada transacta da Premiership os dois jogos cancelados (Falcons-Tigers e Bath-Irish) tiveram uma atribuição de pontos fruto da reunião entre o Presidente da Comissão Directiva da Premiership, Andy Higginson, o Director Executivo Darren Childs e o Director de Rugby Phil Winstanley. Em termos estritamente oficiais o resultado ficará registado como 0-0, mas tanto Newcastle Falcons como Bath foram agraciados com quatro pontos correspondentes a uma vitória, enquanto que as equipas que registaram casos positivos, foram-lhes consignados dois pontos, equivalentes a um empate

No jogo realizado em Coventry entre Wasps e Exeter, a equipa da casa foi dominante durante os 80 minutos de jogo, com Chiefs a deixarem a descansar Cowan-Dickie, Sam Skinner, os dois “Jonnys”, Henry Salde e Harry Williams. Na primeira parte apenas o ensaio de Gaskell que ainda iria marcar um segundo na segunda parte, conjuntamente com outro bis de McIntyre e ainda um ensaio de Sopoaga.

Uns Wasps liderados pelos desempenhos de Dan Robson, Lima Sopoaga e o man of the match Joe Launchbury , apresentaram-se muito disciplinados e com um bom passo de corrida e bom handling, com paciência no desenvolvimento das jogadas. Foram especialmente demolidores na última meia hora de jogo. A defesa da equipa de Rob Baxter foi muito combativa mas não conseguiu resistir ao bom jogo dos Wasps.

Pelos Chiefs, Richard Capstick que jogou a flanqueador do lado aberto, marcou o primeiro ensaio da equipa no novo ano, numa jogada individual com passo, pés e corrida; bom apontamento do jogador de 20 anos, 1.91m e 103 kg!
Resultado final: Wasps 34 – Exeter 05.

Os Bears defrontaram os Falcons, num jogo muito combativo e relativamente equilibrado com um resultado final de 29-17. Os Bears começaram bem com um ensaio fruto de intercepção muito cedo na partida, aos 43 segundos mas o lado de Dean Richard conseguiu responder e chegou a fazer três ensaios na partida por intermédio de George Wacokecoke, Mark Wilson e Philip van der Walt. Os ensaios da equipa da casa foram de Siva Naulago, Nathan Hugues, Charles Piutau e George Kloska.

A equipa de Bristol teve de apresentar uma primeira linha “nova” devido a casos e profilaxias COVID e talvez por isso, no embate de packs, Newclastle teve quase sempre a vantagem.

A primeira derrota dos recém promovidos de Newcastle mas não deverá ser mais que um percalço naquilo que se espera ser um caminho de vitórias.

Os Sale Sharks receberam e bateram o Gloucester por 22-19.Num jogo com três amarelos e oito penalidades, a equipa visitante culminou os primeiros 20 minutos de jogo pressionante com um ensaio a partir de alinhamento e maul, finalizado pelo pilar direito Fraser Balmain.

A persistência e pressão continuaram com uma amarelo por placagem alta a Jono Ross e aos 32 minutos, ensaio de Louis-Rees Zammit, o ponta direito do Gloucester depois de uma jogada de bola rápida envolvendo muitos jogadores mas sem praticamente obstáculo nenhum em termos defensivos por parte dos Sale.

Um amarelo para Lewis Ludlow aos 50 minutos e numa jogada de insistência perto da linha de ensaio permite um toque de meta de Josh Beaumont e a derradeira passagem para a frente no marcador para um resultado final de 19-22. Twelvetrees ainda levou amarelo aos 79 minutos mas o resultado estava feito, um pouco injustamente para o lado dos Sharks mas a persistência às vezes compensa.

Os Leicester Tigers mostraram as suas garras a um Bath mais “molinho” que tem aparecido nesta época conseguindo um impressionante 36-31, naquele que foi o 201 º entre ambas as equipas. Steve Borthwick tem estado a comandar as tropas a partir de casa e mesmo os treinos são nas casas de cada um.

Talvez essa separação física tenha exaltado nos Tigers um superior estado moral de união e força, pois a resposta em campo foi muito sólida como já não se via há muito tempo, tendo talvez um pequeno eco no primeiro embate da nova época onde defrontaram o Gloucester com uma vitória de 38-15.

Nos jogos cancelados por coronavírus, o Worcester-Quins permitiu, em termos pontuais um 4-2 e no London-Irish-Northampton Saints, como a franquia Irlandesa a continuar a apresentar casos positivos a distribuição de pontos foi de 2-4.

Na próxima jornada da Premiership a registar dois jogos teoricamente interessantes: Bath-Wasps e Exeter-Bristol.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter