O Negócio da Semana (INT): Nasri o novo “martelo” do West Ham

Fair PlayJaneiro 4, 20192min0

O Negócio da Semana (INT): Nasri o novo “martelo” do West Ham

Fair PlayJaneiro 4, 20192min0
Foi a grande novidade na Premier League e pelas melhores razões: Nasri está de regresso a Inglaterra. O West Ham conseguiu o concurso e adquiriu o criativo até ao final da temporada

O Mercado está a carburar e a nível internacional já se deram novidades! Entre milhões e milhões, reforços sonantes, mexidas surpresas e muito mais! O Fair Play avalia todas as semanas o Melhor Negócio da Semana e esta é a nossa escolha!

SAMIR NASRI (SEM CLUBE -» WEST HAM FC)

Nome: Samir Nasri

Idade: 31 anos

Nacionalidade: Francês

Épocas na Europa: 15

Temporada 17/18: 8 jogos (2 golos e 1 assistência)

Valor de Mercado: 6M€

Valor de Transferência: Sem custos

Samir Nasri está de volta a Londres e ao futebol inglês, onde brilhou ao serviço de Arsenal e Manchester City. Manuel Pellegrini, que o orientou em Manchester, fez questão de lhe oferecer um lugar no plantel dos Hammers. Mas o que pode o criativo e talentoso francês acrescentar à turma que reside na zona este de Londres (o nome West é muito enganador)?

A prolongada lesão do craque argentino Manuel Lanzini, a juntar às crónicas lesões de Jack Wilshere, deixaram um vazio em termos de criatividade no meio campo ofensivo do West Ham, e pode ser esta a forma de justificar a contratação de um jogador que está sem jogar há mais de um ano. Nasri é um jogador com provas dadas, títulos conquistados e futebol para dar e vender, sendo que não é conhecido por ser um jogador abnegado nem por dar o exemplo fora das 4 linhas.

Ainda assim, a criatividade, qualidade de passe e drible, a juntar à experiência que possui, podem ser armas muito interessantes para a segunda metade da Premier League, ajudando os Hammers na difícil luta pela primeira metade da tabela.

O internacional francês em 41 ocasiões, soma uns impressionantes 215 jogos na melhor liga do mundo, tendo nessas partidas apontado 36 golos e 42 assistências, com o seu pico de forma a registar-se ao serviço dos citizens, onde em 176 aparições, apontou 27 golos e chegou às 40 assistências. No West Ham vai tentar relançar a carreira, depois de uma experiência pouco feliz em Sevilha e de propostas de Nice, Mónaco e Rennes rejeitadas e de uma suspensão de 6 meses devido a questões de doping.

No London Stadium vai encontrar o técnico que mais proveito tirou do seu talento, e com quem conquistou a Premier League em 2014 (já tinha ganho em 2012 com Mancini no comando), sendo de esperar um Nasri motivado e a regressar à forma e às exibições a que nos habituou desde que apareceu na equipa principal do Marselha.

Será ele o elemento fundamental para o West Ham garantir a manutenção?


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter