RB Leipzig: Quem pode substituir Timo Werner?

Gonçalo MeloJunho 23, 20206min0

RB Leipzig: Quem pode substituir Timo Werner?

Gonçalo MeloJunho 23, 20206min0
Timo Werner está de saída do RB Leipzig. Quem será o substituto? Reforçar a equipa ou aproveitar o talento existente?

Timo Werner está a caminho do Chelsea, num negocio que rondará os 60 milhões de euros. O avançado alemão de 24 anos foi claramente o melhor elemento da turma de Julian Nagelsmann na temporada que agora está a terminar, somando uns impressionantes 26 golos em 33 jogos na Bundesliga, ele que assistiu ainda os companheiros em 8 ocasiões. Mas quem pode substituir o craque alemão formado no Estugarda?

Recorrer ao Mercado?

A solução mais natural e óbvia será recorrer ao mercado de transferências e contratar um elemento de créditos formados ou investir num jovem avançado promissor com larga margem de progressão. É aqui que entram os dois talentosos avançados que se têm destacado no Red Bull Salzburgo, um clube com o qual não se estranharia a existência de mais negócios. Falamos do zambiano Patson Daka e do sul coreano Hee-Chan Hwang, que seriamqualquer um deles, reforços interessantes para o Leipzig.

Daka é um avançado mais possante e menos refinado tecnicamente que Werner, ainda assim a sua capacidade física, explosão e velocidade seriam certamente apreciadas em Leipzig, ele que nesta época apontou uns impressionantes 23 golos em 27 jogos na liga austríaca. Já o coreano Hwang apresenta um perfil mais próximo a Werner. Com capacidade para jogar em qualquer posição do ataque, o coreano que já passou pelo Hamburgo destaca-se, tal como Werner, pela sua incrível velocidade e capacidade de acelerar o jogo, apesar de ser francamente mais fraco no que toca aos números apresentados pelo internacional alemão.

Patson Daka: Salzburg's $8.8 Million Prospect Adjusts To Life ...
Daka será um alvo provável e apetecível para o Leipzig (Foto: Forbes)

No campeonato alemão existem opções com mais créditos, mas certamente mais caras. Kevin Volland é uma delas. O avançado de 27 anos do Bayer Leverkusen tem sido de forma recorrente um dos melhores dianteiros na Bundesliga, e este ano, mesmo com a forte concorrência de Lucas Alario soma 9 golos e 8 assistências em 26 jogos, e a sua potência e qualidade de remate poderiam fazer estragos no ataque do Leipzig, não esquecendo a capacidade de luta do internacional alemão, que encaixaria na perfeição no ataque pressionante do Leipzig.

Robin Quaison seria também uma solução interessante e certamente mais em conta. O internacional sueco de 26 anos é uma das figuras do Mainz, e um elemento com capacidade para atuar como segundo avançado ou a partir da esquerda, tendo logo aqui semelhanças ao futuro avançado do Chelsea. Com um poder físico assinalável, Quaison destaca-se ainda pela qualidade a jogar entre linhas e pelos movimentos de aproximação à área, algo que nesta época já lhe valeu 13 golos em 32 jogos.

Por fim, e abordando duas opções mais dispendiosas, falamos do duo francês do Borussia Monchengladbach, Alassane Pléa e Marcus Thuram. De gerações diferentes (Pléa tem 27 anos, Thuram tem 22), os dois internacionais gauleses (Thuram ainda não se estreou pela seleção principal mas soma 40 jogos oficiais pelas seleções jovens) têm a particularidade de atuar, tal como Timo Werner, na posição 9 ou a partir da esquerda, sendo extremamente perigosos nos movimentos da ala para o meio e também no ataque à profundidade nas costas da defesa. Junto, o duo francês contribuiu com 20 golos e 18 assistências na bela campanha do Borussia Monchengladbach na Bundesliga, que ocupa neste momento o quarto lugar, que dá acesso à Liga dos Campeões.

Gladbach hat sich vom Favre-Denken gelöst - endlich bullige ...
Thuram e Pléa seriam alternativas fantásticas a Werner (Foto: 90 min)

 

Aposta Interna

Outra possibilidade, passa pela afirmação de jogadores que já fazem parte dos quadros do clube. E aqui há três boas alternativas a Timo Werner. A primeira é Dani Olmo. O jovem espanhol de 22 anos contratado ao Dinamo Zagreb é aquilo que podemos chamar um “10” tradicional, pelo menos era nessa posição que mais atuava na Croácia. No entanto, o jovem espanhol é muito mais que isso, podendo atuar em qualquer ala ou como avançado solto. Dotado de uma técnica e visão de jogo notáveis, Olmo alia a isso uma grande capacidade de jogar entre linhas, qualidade de passe, drible curto e finalização, tendo ainda capacidade de fazer a diferença com acelerações em espaços mais curtos e fechados. Esta temporada, repartida entre Dinamo e Leipzig, o jovem de La Masia soma 12 golos e 8 assistências em 34 jogos.

Christopher Nkunku é outra alternativa válida. Outrora um box-to-box, o jovem internacional francês de 22 anos tornou-se com Nagelsmann um polivalente no ataque, capaz de fazer a diferença como extremo esquerdo, mas também no apoio ao homem mais avançado. Dotado de grande qualidade técnica, o ex-PSG destaca-se pela velocidade, drible e tomada de decisão, sendo especialista a servir os colegas, como comprovam as 15(!) assistências na liga, às quais juntou 5 golos.

Por fim, uma boa aposta por parte de Nagelsmann passaria pelo jovem britânico Ademola Lookman. Apesar de ter claramente de melhorar a sua relação com o golo para ser alternativa a Werner (o jovem ex-Everton tem apenas 9 golos na carreira, e nesta edição da Bundesliga ainda não marcou), Lookman é certamente o jogador com mais semelhanças ao germânico dentro do plantel do Leipzig. Uma autêntica flecha pelos corredores, Lookman é ainda mais perigoso no um para um que os seus companheiros acima, tendo facilidade em atuar em qualquer posição no ataque, embora esteja mais familiarizado com o corredor esquerdo.

Olmo double keeps Leipzig on Champions League path - France 24
Olmo poderá afirmar-se definitivamente com a saída de Werner (Foto: France 24)

A saída de Werner será certamente uma dor de cabeça para os responsáveis do principal clube da marca Red Bull, no entanto, o timoneiro Julian Nagelsmann tem motivos para estar esperançoso. Tem dentro de portas jovens de qualidade elevada, com grande margem evolutiva, e orienta um clube com um projeto desportivo atrativo e condições financeiras invejáveis, pelo que atrair elementos como Volland ou Thuram não deverá ser um problema.

 

 


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter