21 Jun, 2018

Crónicas do Sr. Ribeiro – Derby dos projectos: ER Galiza e AR Ubuntu

Fair PlayJaneiro 22, 20183min2

Crónicas do Sr. Ribeiro – Derby dos projectos: ER Galiza e AR Ubuntu

Fair PlayJaneiro 22, 20183min2
A ER Galiza e AR Ubuntu são representantes da forma correcta de viver o rugby... e o Sr. Ribeiro arbitrou esse derby dos projectos!

Este fim-de-semana arbitrei o derby dos projectos. De um lado, a mais que conhecida, reconhecida, e até estabelecida Escola de Rugby da Galiza, do outro, a Academia de Rugby Ubuntu, que, embora mais recente, não perde nos pergaminhos-

Mentiria se há um par de anos dissesse que gostava do rugby da Galiza.

Não compreendia o projecto, e então fazia o que fazem os ignorantes, tinha um enorme preconceito e irritava-me bastante. A ideia que tinha, completamente errado e desinformado, era que se tratava de uma equipa de “coitadinhos”, os “pobrezinhos” que se penduravam no projecto social para ir à boleia no rugby, sendo ajudado por tudo e por todos, tinham o rugby ao serviço deles.

Pobrezinho e coitadinho de mim…

Felizmente, os meus filhos começaram a jogar e foram um par de vezes convidados para os torneios da Galiza, depois comecei a arbitrar e a apanhá-los em campo. Resultado, sou um idiota.

O que se pratica naquele campo é magia. Mascarada de rugby, mas é magia.

A Galiza, onde ficava o fim do mundo (literalmente), é um aglomerado de diferenças. Das origens aos destinos, todas as pessoas naquele espaço são diferentes. Seja na ascendência étnica, cultural, social, económica.

Há tudo, para todos os gostos. Até haver jogadores de rugby, havia tudo separado. Uns de um lado, outros do outro.

Mas o rugby não quer saber quem somos fora do relvado, preocupa-se com a nossa integridade dentro. E a pessoa mais diferente de nós pode ser aquela que nos dá a mão e nos ajuda a sair do chão.

Ora, para conseguir trazer todas estas diferenças juntas para um campo, os pilares têm de estar muito bem assentes, o que faz dos valores do desporto mais visíveis ali do que na maior parte dos lados. Sendo duros, são honestos e leais.

Não se brinca ao rugby, como eu pensava. Nada disso, compete-se com ambição, mas de um modo que só uma tão grande misturada de pessoas pode dar. É espetacular fazer parte da festa deles.

Esta é a magia da Galiza. Um rugby tão positivo que se joga a rir, porque o rugby é isso, uma festa.

Ontem a festa fez-se com o Ubuntu (traduzido à letra “eu sou porque tu és) refletindo o ideal do Desmond Tutu “sozinho, ninguém pode existir como ser humano”. Não é este também o ideal do rugby?

O Ubuntu, projecto da Linha de Sintra, assenta nos mesmíssimos valores, integridade, paixão, solidariedade, disciplina e respeito.

Tive a oportunidade de ver que estes valores são mais que palavras, quando tomei uma decisão errada, confirmada posteriormente por quem estava de fora, e ao pedir desculpa ao capitão de equipa recebi,

“Não faz mal. Todos erramos. Estamos aqui para nos divertir”.

Eu divertia-me mais se errasse menos, mas estar num jogo da terceira divisão e apanhar jogadores de primeira categoria, inevitavelmente, fará subir o meu nível.

Projectos como a ERG e o Ubuntu ajudam muito a nossa modalidade. Não são projectos que se servem do rugby, como eu achava, são sim projectos que servem o rugby, que levam o rugby mais longe, trazendo pessoas que, doutra forma, nunca viriam para este desporto. A diversidade que conquistam resulta numa demonstração de rugby irreverente e audaz, o verdadeiro rugby total.

No derby dos projectos, ganhou o rugby.

Foto: Filipe Monte


2 comments

  • Tiago

    Janeiro 22, 2018 at 5:33 pm

    Parabens pelo artigo e humildade! Eu mesmo confesso que se não fosse o rugby da Galiza não conheceria este desporto! Agora que o descobri, gosto cada vez mais e mais! Grande abraço!

    Reply

  • Estrela

    Janeiro 22, 2018 at 4:39 pm

    C.N. de Rugby Sénior 3ª Divisão 2017-2018 6ª Jornada

    Resultado Final.
    Grande Vitória do RUGBY PORTUGUÊS Sénior do Campeonato Nacional 3ª Divisão!

    Vitória no “Bom” e bem arbitrado Rugby e Fair play praticado pelas 2 Equipas Jaguares e UBUNTU e no Convívio da 3ª Parte entre Jogadores, Treinadores, Staff e Amigos!
    “This is Rugby”!

    Reply

Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter