8 “brindes” que deves adquirir no Football Manager 08! pt.1

Francisco IsaacMarço 23, 20205min0

8 “brindes” que deves adquirir no Football Manager 08! pt.1

Francisco IsaacMarço 23, 20205min0
Aílton, Basta, Sarpong e Ceravolo... sabem quem são? Estes são as primeiras 4 propostas de uma lista de 8 jogadores que devem contratar no Football Manager 08 caso revisitem esta edição do famoso jogo!

Sim, sim… já sabemos que o Football Manager 2020 está praticamente de graça à conta do efeito Covid-19, mas um go back aos clássicos vale sempre a pena para ocupar o tempo de aborrecimento que vai surgir mais dia menos dia! Por isso, propomos revisitarem o Football Manager 08 e deixamos algumas recomendações de jogadores a contratar desde o 1º minuto – caso assumam uma equipa com um mínimo de poder económico!

AÍLTON (FC COPENHAGA)

Introduzindo uma curta nota pessoal, Aílton é sem dúvida alguma um dos meus avançados favoritos de todo o Football Manager, tendo duas particularidades que encaixam na forma como monto a estratégia de jogo mais voltada para o ataque e um contra-ataque essencialmente veloz onde o brasileiro assenta que nem uma “luva”. Para surgir nos vossos motores de busca devem colocar a base de dados no máximo e “abrir” a liga holandesa ou brasileira, ou, e se quiserem simplificar, permitir que o campeonato dinamarquês se torne activa, surgindo então Aílton na frente-de-ataque do FC Copenhaga. Com um valor de custo entre os 2-4M€, o brasileiro torna-se rapidamente um dos melhores jogadores do vosso plantel mexendo com os dinamismos do ataque seja pela facilidade com que dribla em velocidade os marcadores directos ou pela agressividade com que ataca a bola, desferindo especialmente remates portentosos de fora da grande área.

Em termos de finalização não é inicialmente um mestre, notando-se que falha alguns lances mais “escandalosos” quando se depara com centrais mais experientes mas não deixa de criar boas oportunidades para os seus colegas de equipa tentarem transformar em golos. Em todos os “saves” em que adquiri Aílton, posso revelar que a média de golos (no total de todas as competições) rondou entre os 25-30, sem contar com dezenas de assistências, outro elemento minimamente interessante que marca a viagem deste avançado por esta edição do vídeo-jogo.

Foto: FM08

JEFFREY SARPONG (AJAX)

Foi uma das “pérolas” que surgiu da selecção holandesa que participou no Mundial sub-17 realizado no Perú mas acabou por passar ao lado de uma boa carreira, algo partilhado com alguns dos outros nomes desta lista. Por isso, porquê apostar em Jeffrey Sarpong? Se gostam de médios-centro com excelente toque de bola e dotados no que concerne à gestão de jogo e lançamento de jogo em profundidade, Sarpong é o jogador jovem indicado (quando começam o Football Manager 08 tem 19 anos de idade) pois vai se desenvolvendo como atleta com rapidez à medida que procuram criar uma identidade própria no clube que treinarem.

Possuidor de uma técnica individual de alto calibre (começa o “save” com 17/18), a par de ser dono de qualidades físicas que podem fazer a diferença na luta contra o meio-campo adversário, o holandês ainda é um autêntico perigo nos remates de longa distância evoluindo a cada nova temporada caso lhe dêem liberdade para arriscar nestes pontapés de longe! É um reforço de extrema qualidade para a vossa equipa, extremamente barato com um custo de 300-500 mil euros (para facilitar a operação ofereçam 5% de uma futura transferência ao Ajax) e que vem de umas das academias mais reputadas do Mundo do futebol.

FABIO CERAVOLO (REGGINA)

Chegou a jogar na Serie A em algumas ocasiões tanto ao serviço do Reggina (actualmente na Serie C), Parma ou Atalanta mas nunca foi capaz de ser o mesmo tipo de jogador que é no Football Manager 08, conseguindo ser considerado um dos melhores artilheiros italianos em alguns “saves”. Inicialmente os stats de Ceravolo não são de todo interessantes, revelando apenas dois números acima de 15 pontos: finalização (16) e cabeceamento(16). Ora, se apostarem na contratação do ponta-de-lança e colocarem-no a jogar com normalidade rapidamente vai registar uma evolução meteórica que passará por aumento da velocidade de execução, ritmo de jogo, intensidade, poder de salto, trabalho de equipa e inteligência, conseguindo assim mostrar todo o seu melhor futebol ao serviço do vosso clube.

Por 4M€ conseguem convencer o emblema italiano a vendê-lo e facilmente vai se revelar uma revelação não só do plantel mas também da liga, com uma média de golos impressionante para além de criar constantes vicissitudes à defesa adversária muito pela velocidade de movimentos que apresenta. Acreditem neste jogador, apostem e com 21 anos vai ser jogador para 10 épocas de alto nível, seja num Real Madrid, FC Porto, AC Milan, SL Benfica, entre outros!

DUSAN BASTA (RED STAR)

Um dos laterais de grande qualidade que passa ao lado de uma boa parte dos utilizadores e que merece uma atenção especial pela forma como garante estabilidade ao corredor defensivo direito, sem esquecer a versatilidade que oferece na assistência às manobras de ataque. 23 anos, 6 internacionalizações pela Croácia, Dusan Basta começa ao serviço do Estrela Vermelha e é um dos atletas sérvios com maior espaço para evoluir, sendo um reforço bom para adquirir logo na abertura do vosso “save”, apesar de exigir uma despesa no total de 6M€ (é o mais “caro” desta lista) significando que só clubes de média-alta dimensão têm possibilidade de contar com os serviços do defesa.

Vale a pena fazer este esforço financeiro? Se gostam de futebol em profundidade, directo e velocidade, então é uma contratação necessária para o vosso plantel como revelam alguns dos números do seu Cartão de Identidade do FM: 17 em trabalho de equipa, 18 em trabalho sem bola, 17 de criatividade, capacidade de trabalho com 16. A somar aos apetrechos físicos de grande qualidade, Dusan Basta é um lateral-direito confiante, intenso e que facilmente se assume como referência tanto no aparelho estratégico ofensivo (bom a centrar e a colocar a bola no local e jogador certo) como no trabalho na defesa, em que garante um papel imaculado e de impedir que o adversário consiga invadir pelo seu flanco.

Foto: FM08

Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter