Premiership: Saracens continuam a recuperar terreno

Helena AmorimDezembro 23, 20193min0

Premiership: Saracens continuam a recuperar terreno

Helena AmorimDezembro 23, 20193min0
A formação londrina ultrapassou facilmente os Bristol Bears e continuam na remontada... mas conseguirão os Saracens fugir à despromoção? Tudo sobre a 6ª ronda da Premiership no Fair Play

A Premiership já leva seis jornadas realizadas e Exeter Chiefs lideram a tabela classificativa com 20 pontos, seguidos de perto, com menos um ponto, pelos Northampton Saints.

Em terceiro lugar, um surpreendente Bristol Bears com 17 pontos. No outro extremo da tabela, Saracens em último com -13 pontos mas em recuperação contínua depois da penalização; em penúltimo os Leicester Tigers com quatro pontos de uma vitória e em antepenúltimo os Wasps, longe daquilo que se lhes conhece, com seis pontos.

Nesta sexta jornada, o Gloucester venceu o Worcester por 36-3. São duas equipas que têm feito um arranque de temporada bastante instável, no entanto, com uma nota positiva pelos pontos já amealhados.

Leicester Tigers perderam em Welford Road frente aos Exeter por 22-31. A primeira parte foi bem dividida e o Leicester tem jogadores que fazem alguma diferença como sejam George Ford, Ben Youngs e Jonny May.

No entanto, o Exeter chegando perto da linha de ensaio, é uma máquina muito persistente e acaba quase sempre por pontuar. De referir a poderosa e trabalhadora terceira linha dos Exeter: Don Armand, Jacques Vermeulen e Matt Kvesic; Stuart Hogg continua a dançar frente aos adversários.

Os Sale Sharks de Faf de Klerk, venceram os Saints por 22-10. Os Sharks têm consigo mostrar boas exibições e com o seu contingente de SulAfricanos têm sido mais combativos que nos anos transactos. Robert Du Preez é o abertura responsável pelas conversões e penalidades e ainda se podem referir nomes como o primeiro centro, Rohan Van Rensburg e o talonador Akker Van Der Merwe.

Saracens convenceram frente ao Bristol com 47-13. Independentemente da penalização financeira e pontual, os Saracens não vão deixar de ser uma equipa a lutar pelos lugares cimeiros.

Wasps a perderem frente aos Quins por 22-28. Os Harlequins têm vindo a melhorar as suas exibições, de semana a semana.

Os London Irish a perderem frente ao Bath por 10-38, naquela que foi a primeira vitória da época, fora de casa para o Bath. O trabalho da avançada do Bath foi digno de ensaio logo aos 4 minutos, pelo pilar Beno Obano. Os outros nomes da primeira linha, em destaque, são Tom Dunn a talonador e Will Stuart.

Aos 7’ Antony Watson aproveitou muito bem uma bola solta e aos 21’, mais trabalho da avançada e abertura para o exterior, com o ponta direito, Samesa Rokuduguni a marcar ensaio. Aos 26’, ensaio de penalidade com o “oito” dos London Irish, Albert Tuisui, a ser amarelado e aos 28’, o domínio do Bath frente aos exilados, manifestou-se com ensaio do formação,Will Chudley. Uma primeira parte alucinante e uma segunda parte mais calma e difícil com um ensaio para cada lado.

A campanha do Bath tem sido  irregular com três vitórias, o que lhe augura um sétimo lugar com 13 pontos, os mesmos que o Worcester. No entanto, caso comecem a carburar e tendo em conta a equipa que têm, a coisa ainda é capaz de se tornar mais bonita para as hostes de Stuart Hooper.

Os homens do momento, Louis Rees-Zamnit do Gloucester, Elia Elia dos Quins, Harry Williams do Exeter e Josh Bayliss do Bath.

Na próxima jornada, a 28 e 29 de Dezembro, de referir um Exeter-Saracens, um Bath-Sale Sharks e ainda um confronto entre Northampton Saints e Gloucester.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter