NFL Mock Draft 2020: Quem serão as grandes estrelas deste ano?

Miguel Veloso MartinsAbril 19, 202021min0

NFL Mock Draft 2020: Quem serão as grandes estrelas deste ano?

Miguel Veloso MartinsAbril 19, 202021min0
Estamos a menos de uma semana do evento mais importante da offseason da NFL. Este ano, o Draft será virtual, mas com certeza não faltará o mesmo entusiasmo de sempre. O FairPlay preparou um Mock Draft da primeira ronda deste ano. Fica a conhecer as nossas previsões.

#1 Cincinnati Bengals: Joe Burrow, QB

Acho que não há dúvidas que Joe Burrow é o melhor QB no NFL Draft deste ano. Apesar dos Bengals muito provavelmente receberem inúmeras ofertas para trocar a escolha, espero que o franchise decida manter a sua posição. Tudo indica que Joe Burrow será a próxima grande estrela da NFL, sendo constantemente comparado a QBs como Patrick Mahomes, Tom Brady e Peyton Manning. Burrow é sem dúvida o melhor QB deste Draft e deverá ajudar a iniciar uma nova era em Cincinnati.

 

#2 Washington Redskins: Chase Young, DE

Adicionar Chase Young a uma das melhores linhas defensivas da NFL parece-me ser uma escolha fácil para os Redskins. Young é facilmente o melhor atleta do Draft. Acho que a equipa de Washington DC dificilmente irá passar uma oportunidade de selecionar um jogador deste calibre, a não ser que receba uma oferta irrecusável de outra equipa.

 

#3 Detroit Lions: Jeff Okudah, CB

Detroit precisa desesperadamente de ajuda na sua linha secundária. Jeff Okudah é um CB que está pronto para a liga profissional e deverá cair nos braços dos Lions. Okudah poderá ser um Pro Bowler logo no seu primeiro ano na NFL.

 

#4 New York Giants: Isaiah Simmons, LB

Os New York Giants precisam de imensa ajuda na sua defesa e não há melhor opção nesta altura do que Isaiah Simmons. O LB é o defesa mais versátil do NFL Draft e deverá provar-se uma super-estrela logo na sua época como rookie. Simmons consegue jogar linebacker (normalmente middle), safety, defensive end e cornerback. Outra opção para os Giants seria selecionar um offensive tackle e aí poderíamos ver a equipa a escolher Jedrick Wills ou Tristan Wirfs com a quarta posição do evento.

 

#5 Miami Dolphins: Tua Tagovailoa, QB

Há um ano falávamos de Tua Tagovailoa como o melhor QB do futebol americano universitário. No entanto, o jogador foi suplantado pela popularidade do QB da LSU, Joe Burrow, em 2019. Tagovailoa continua a ser um QB único com um talento difícil de encontrar. Durante a época de 2019 da NFL, haviam piadas sobre os Dolphins estarem a jogar mal para conseguir escolher o QB (Tank for Tua) e parece que o vão conseguir fazer.

 

#6 Los Angeles Chargers: Justin Herbert, QB

Fontes da liga dizem que os LA Chargers estão confiantes no seu novo QB Tyrod Taylor. Em primeira instância, isto poderá parecer um sinal que a equipa não irá escolher um QB, mas, da forma como a NFL se rege atualmente, parece-me difícil que isto não ocorra. Mesmo que Taylor seja o titular, acredito que o Chargers vão escolher ou Tua ou Justin Herbert. A oportunidade de selecionar um destes QBs jovens, com o objetivo de lhes ensinar o sistema atrás de um veterano, é demasiado boa para passar.

 

#7 Carolina Panthers: Derrick Brown, DT

Escolher Derrick Brown é uma oportunidade única para os Panthers construírem uma das melhores defesas da NFL. Brown é um verdadeiro buldozer com força e técnica fenomenal. Será de esperar que os Carolina Panthers considerem também selecionar um offensive tackle ou tentar trocar a sua posição com outra equipa.

 

#8 Arizona Cardinals: Jedrick Wills, T

O plano deste Draft para os Arizona Cardinals tem de ser ajudar Kyle Murray. Os Cardinals já fizeram uma troca incrível pelo WR de elite DeAndre Hopkins, agora a equipa deve melhorar a sua linha ofensiva. Jedrick Wills é o melhor offensive lineman na minha lista e a sua presença deverá ser sentida no ataque de Arizona.

 

#9 Jacksonville Jaguars: Tristan Wirfs, T

Como adepto dos Jaguars, esta foi a escolha mais difícil até agora. Jacksonville tem bastantes necessidades neste Draft: OL, WR, CB e DL. Apesar de querer escolher Jerry Jeudy para auxiliar Gardner Minshew no jogo aéreo, selecionar um OL parece-me ser a escolha mais adequada. Tristan Wirfs é um dos melhores offensive tackles do Draft e está a subir nos rankings de grande parte dos líderes da NFL. Wirfs deverá trazer a proteção que já há muito faltava no ataque dos Jaguars.

 

#10 Cleveland Browns: Mekhi Becton, T

Tackles vão estar na moda neste Draft. Parece existir uma procura enorme este ano e a oferta é promissora. Os Browns não fogem à regra e deverão complementar a contratação de Jack Conklin com um rookie na posição. Os Browns têm praticamente tudo para finalmente ter sucesso, só precisam de proteger melhor Baker Mayfield, sendo que o gigante Mekhi Becton deverá resolver este problema já no seu primeiro ano. 

 

#11 New York Jets: Jerry Jeudy, WR

Apesar de muita discussão sobre quem é o melhor WR deste Draft, Jerry Jeudy é para mim sem dúvida o melhor. Jeudy tem um jogo de pés e técnica que dão inveja a qualquer outro prospect. Combinando isto com a sua velocidade e atleticismo, o WR de Alabama torna-se numa escolha imperdível para os New York Jets. Sam Darnold iria sem dúvida celebrar esta escolha.

 

#12 Las Vegas Raiders: CeeDee Lamb, WR

Os Raiders vão mudar-se para Las Vegas esta temporada e o que seria melhor do que escolher um jogador que vai chamar a atenção dos adeptos (de forma positiva). CeeDee Lamb oferece aos Raiders isto e muito mais. No ano passado, ainda em Oakland, a equipa fez uma troca com os Steelers para adquirir Antonio Brown e as coisas não correram bem. Agora no Draft, os Raiders têm a oportunidade de selecionar um jogador que é comparado com DeAndre Hopkins e Dez Bryant. 

 

#13 San Francisco 49ers: C.J. Henderson, CB

Depois de Okudah, C.J. Henderson é o meu CB preferido deste ano. Os San Francisco 49ers chegaram à Super Bowl na época passada, mas a equipa (especialmente na posição de DB) pode se desmoronar rapidamente em 2021. Richard Sherman, Jaquiski Tartt, Ahkello Witherspoon e K’Wuan Williams podem se tornar free agents em 2021, por isso seria sensato que os 49ers começassem a preparar um plano neste Draft. Os 49ers têm outra escolha nesta ronda e poderão resolver o problema de CB mais tarde, mas Henderson parece-me demasiado bom para não ser selecionado nesta posição.

 

#14 Tampa Bay Buccaneers: Andrew Thomas, T

Proteger Tom Brady tem de ser a prioridade dos Tampa Bay Buccaneers, por esse motivo o franchise fez muitas contratações de respeito nesta Free Agency, mas agora precisa de complementar esse trabalho com mais ferramentas para que o QB veterano traga sucesso de volta a Tampa Bay. Andrew Thomas é um dos offensive linemen mais versáteis deste Draft, sendo capaz de jogar tanto a tackle como a guard a um alto nível.

 

#15 Denver Broncos: Henry Ruggs III, WR

Os Broncos têm um dos ataques mais jovens da liga e Henry Ruggs III encaixa perfeitamente no esquema da equipa. Ruggs é o WR mais rápido do Draft deste ano e isso permitirá abrir oportunidades para o ataque. O simples facto do WR estar em campo irá criar um dilema para a defesa adversária que muito provavelmente terá de usar dois jogadores para o cobrir. Se a defesa não o fizer, Henry Ruggs III vai ter o caminho aberto para um grande ganho de jardas ou um touchdown fácil. O segundo WR de Alabama no Draft vai trazer aquilo que falta em Denver: um target que estenda e domine o jogo vertical.

 

#16 Atlanta Falcons: Javon Kinlaw, DT

Javon Kinlaw seria a escolha perfeita para os Atlanta Falcons. Kinlaw é um jogador com estatura enorme, muita explosividade, pelo que enquadraria-se extremamente bem no sistema defensivo de Atlanta. Segundo Ian Rapoport e Benjamin Allbright, a equipa está a planear em subir a sua posição no Draft através de uma troca, sendo o objetivo escolher Kinlaw. Na minha previsão, o jogador estaria disponível na 16ª escolha. Na companhia de Dante Fowler e Grady Jarrett, Javon Kinlaw poderá ajudar a criar uma das linhas defensivas mais temíveis da NFL.

 

#17 Dallas Cowboys: K’Lavon Chaisson, DE

Com a chegada do seu novo treinador Mike McCarthy, os Dallas Cowboys estão em tempos de mudança. Uma escolha como K’Lavon Chaisson deverá pelo menos ajudar a cobrir o buraco deixado pela saída de Robert Quinn. Chaisson é um atleta perfeito, que joga de forma extremamente física e ao mesmo tempo calculosa. O DE da LSU irá ter como mentor uma das grandes lendas defensivas da NFL, DeMarcus Lawrence, que jogará no lado oposto da linha. Juntos, Lawrence e Chaisson, seriam facilmente um dos melhores duos de pass-rushers da liga.

 

#18 Miami Dolphins: Austin Jackson, T

Os Dolphins selecionaram Tua Tagovailoa com a quinta escolha, agora está na hora de o proteger. Austin Jackson tem um tamanho e atleticismo perfeito combinado com a sua versatilidade de jogar no lado direito e esquerdo. Sendo que Tua é esquerdino, o seu lado direito será o seu blindside e tornando Jackson no melhor candidato disponível para os Dolphins, devido a esta versatilidade. Antes da época de 2019, Jackson doou medula óssea para salvar a vida da sua irmã que tinha anemia de Diamond–Blackfan. Isto fez com que a sua performance no ínicio da temporada não fosse tão boa como desejada, mas, com o decorrer da época, Jackson mostrou o seu potencial.

 

#19 Las Vegas Raiders: A.J. Terrell, CB

Na minha opinião, um dos principais objetivos deste ano para os Raiders será melhorar a posição de cornerback. Neste momento, Trayvon Mullen parece-me ser a única opção de confiança no plantel de Las Vegas e porque não selecionar um antigo colega de equipa? A.J. Terrell tem subido nos meus rankings de CBs desde o Combine. O jogador de Clemson teve uma performance fenomenal no evento, tendo se estabelecido como um dos melhores na posição. Mullen e Terrell teriam sem dúvida uma das melhores dinâmicas da liga nesta posição.

 

#20 Jacksonville Jaguars: Justin Jefferson, WR

Como já tinha dito na escolha anterior dos Jaguars, a equipa deve escolher um WR na primeira ronda. Justin Jefferson é a melhor opção disponível e encaixa perfeitamente naquilo que os Jaguars precisam. Jefferson consegue fazer um pouco de tudo e seria o slot receiver perfeito para Jacksonville. O WR da LSU é extremamente consistente, teve resultados impressionantes no Combine e tem mãos fenomenais. Marquise Lee não tem sido capaz de se provar um slot receiver de confiança e acredito que está na hora do franchise trazer um candidato para ocupar este cargo. 

 

#21 Philadelphia Eagles: Kenneth Murray, LB

Kenneth Murray não tem tanta versatilidade quanto Isaiah Simmons, mas é claramente o segundo melhor LB do Draft. Murray tem o tamanho e atleticismo perfeitos para o nível profissional. Murray é um líder, tendo experiência como playcaller em Oklahoma e poderá continuar a fazê-lo na NFL. Na minha opinião, selecionar um MLB deve ser uma necessidade prioritária para Eagles. Philadelphia poderá também escolher um WR nesta posição, mas acho que estariam a passar à frente um dos melhores jogadores no Draft.

 

#22 Minnesota Vikings: Tee Higgins, WR 

Com a saída de Stephon Diggs, Xavier Rhodes e Trae Waynes, os Vikings encontram-se numa situação complicada na posição de WR. Existem rumores que a equipa está a tentar executar uma troca com os Browns por Odell Beckham Jr., mas tudo indica que OBJ deverá continuar em Cleveland. Tee Higgins é exatamente o receiver que Kirk Cousins precisa no seu ataque. Higgins é um atleta alto com um salto perigosíssimo para os defesas adversários. O catch radius do WR de Clemson é um dos melhores deste Draft e a sua proeminência para criar grandes jogadas, tornam o jogador numa ótima combinação com Adam Thielen e Kyle Rudolph.

 

#23 New England Patriots: Jacob Eason, QB

Os Patriots vão escolher um QB e, na minha opinião, não será quem muitos estão à espera. A discussão sobre quem é o quarto melhor QB do Draft é controversa. Muitos acham é Jordan Love, alguns Jalen Hurts e outros Jake Fromm. Na minha opinião, Jacob Eason é o quarto melhor QB e aquele que melhor se adequa ao plantel de New England. Eason não é um QB moderno, mas Tom Brady também nunca o foi. O QB de Washington tem um braço forte (um dos melhores do grupo) e uma visão de jogo incrível.

Eason precisará de tempo para melhorar algumas partes do seu jogo, mas acredito que o jogador não necessita de ser titular já este ano. Caso os Patriots não escolham um QB na primeira ronda, provavelmente veremos a equipa a selecionar um WR ou TE. Eason provavelmente já não estará disponível na terceira ronda, por isso, a minha previsão para o QB do futuro em New England seria Anthony Gordon. Gordon é sem dúvida um dos QBs com mais potencial de 2020 e acredito que irá surpreender na NFL.

 

#24 New Orleans Saints: Patrick Queen, LB

Patrick Queen continua no estado de Louisiana. Os New Orleans Saints resolveram grande parte dos seus problemas (que já eram poucos) na free agency e mantendo os seus melhores jogadores no plantel. A equipa precisa agora apenas de se reforçar mais nas posições de LB, WR e CB. Kiko Alonso muito provavelmente não perderá o seu papel como MLB, mas existe alguma preocupação sobre a longevidade do grupo de LBs dos Saints, devido a lesões passadas.

Patrick Queen é não só o melhor jogador disponível, como é também um dos mais preparados para entrar em campo imediatamente como titular. Queen garante assim o futuro da posição no plantel de New Orleans e oferece mais segurança ao treinador Sean Payton.

 

#25 Minnesota Vikings: Xavier McKinney, S

Acho que esta escolha vai ser bastante controversa. A incerteza da situação de Anthony Harris e o facto de que o jogador está a envelhecer, mesmo que os Vikings consigam mantê-lo no plantel, foram os grandes motivadores desta escolha. Pelos rumores mais recentes sobre o assunto, a possibilidade de Harris ser trocado para outra equipa continua na mesa.

Xavier McKinney é na minha opinião o melhor safety deste Draft e, se até lá o caso de Anthony Harris não estiver resolvido, parece-me ser uma escolha segura para os Vikings. Minnesota consegue assim garantir o futuro da posição, aconteça o que acontecer com Harris. De mencionar, que McKinney consegue também jogar como CB, especialmente na slot.

 

#26 Miami Dolphins: A.J. Epenesa, DE

Acabamos de escolher um QB e um Tackle de qualidade para os Dolphins, agora está na hora de investir na defesa de Miami. Apesar de não ter tido os melhores resultados no Combine, A.J. Epenesa é um jogador dominante pela sua técnica e não pelo seu atleticismo. Epenesa não é o maior jogador ou o mais rápido, mas a forma como move os seus braços e mãos tornam-no num jogador que exige respeito. A posição que me parece mais adequada para o DL de Iowa no nível profissional talvez seja a de um pass-rusher no interior da linha defensiva.

 

#27 Seattle Seahawks: Yetur Gross-Matos, DE

A maior necessidade dos Seattle Seahawks neste momento é na edge da sua linha defensiva. Yetur Gross-Matos é um pass-rusher rápido com braços longos como é a habitual preferência do treinador Pete Carroll. Depois da sua fantástica época em 2019, o jogador foi finalista para o Ted Hendricks Award, troféu dado ao melhor DE do futebol americano universitário. Gross-Matos poderá ser um titular logo no seu primeiro ano, mas os Seahawks devem ter em consideração que o jogador de Penn State ainda tem de melhorar em alguns aspetos da sua posição antes de atingir o seu potencial.

 

#28 Baltimore Ravens: Zack Baun, LB

Os Baltimore Ravens estão numa situação semelhante à dos Seahawks: precisam de mais pass-rushers. Zack Baun deverá ser a escolha dos Ravens nesta posição. O LB de Wisconsin é um ótimo blitzer, mas é muito mais do que um simples edge rusher. Baun é um canivete suíço, seja a cobrir um TE ou receiver, a tapar quaisquer buracos no jogo de corrida ou a tentar chegar ao QB, Baun tem o atleticismo e QI de jogo para tudo. Os Ravens adicionam uma peça que será essencial no futuro do seu franchise.

 

#29 Tennessee Titans: Josh Jones, T

Os Tennessee Titans perderam um dos seus melhores jogadores (Jack Conklin) e conseguem encontrar no Draft um jogador para ocupar o seu cargo. Obviamente Josh Jones no seu primeiro ano não irá cobrir totalmente o impacto da saída de Conklin, ninguém está à espera disso. No entanto, Jones tem o potencial para se tornar tão bom quanto Conklin, quem sabe até melhor. À semelhança de Jack Conklin, Josh Jones é ótimo a bloquear no jogo de corrida e só isso já o torna num jogador imperdível para os Titans. Jones apenas permitiu um sack em nove jogos, por isso, a equipa pode ficar descansada quanto à proteção do blindside de Ryan Tannehill.

 

#30 Green Bay Packers: Denzel Mims, WR

Algo que os Packers devem fazer neste Draft é dar mais um target de respeito para Aaron Rodgers. Com a 30ª escolha, já se começa a tornar menos claro quem é o melhor WR para ser selecionado, sendo um grupo tão recheado de talento (Shenault, Claypool, Aiyuk, Mims, entre outros). Quando vi Denzel Mims jogar pela primeira vez pensei logo no Josh Gordon (no seu auge) e no DK Metcalf.

Ambos têm mais massa muscular que Mims, mas a forma de correr e jogar são muito semelhantes. Denzel Mims obviamente ainda não está a esse nível e seria injusto assumir que estivesse. O WR de Baylor é fenomenal em ganhos após a receção e a sua combinação de tamanho e velocidade colocam o jogador acima dos outros candidatos disponíveis. Ao lado de Davante Adams, tenho a certeza que o Mims se irá tornar num WR de elite na NFL.

 

#31 San Francisco 49ers: Brandon Aiyuk, WR

Emmanuel Sanders abandonou San Francisco na free agency e Jimmy Garoppolo com certeza agradeceria toda a ajuda que lhe pudessem dar. Brandon Aiyuk é um jogador explosivo sendo muitas vezes comparado ao WR dos 49ers Deebo Samuel. Isto é um enorme elogio para Aiyuk, uma vez que Samuel provou-se uma estrela logo no seu primeiro ano na NFL. Brandon Aiyuk é um WR extremamente rápido e é conhecido por criar oportunidades após a receção. Isto torna-o perfeito para o ataque comandado pelo treinador Kyle Shanahan.

 

#32 Kansas City Chiefs: Ross Blacklock, DT

Esta é uma situação semelhante a de Minnesota. Não existem certezas sobre o futuro de Chris Jones com os Chiefs devido ao seu contrato. A equipa está a negociar um novo contrato com o jogador, mas até agora não houve acordo. Mesmo com Jones na equipa, Ross Blacklock seria uma adição fenomenal para Kansas City. Blacklock não é melhor pass-rusher que Jones e talvez nunca o será, mas mesmo assim é um dos melhores prospects disponíveis. O jogador poderá aprender muito com o veterano. Para além do seu trabalho como disruptor de QBs, Ross Blacklock é fantástico na defesa contra o jogo de corrida.

 

Não percas o NFL Draft 2020 na madrugada de dia 24 de Abril na Eleven Sports.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter