Os melhores lutadores de Portugal, estão invadindo o Bellator MMA.

Renan BrunacciOutubro 31, 20184min0

Os melhores lutadores de Portugal, estão invadindo o Bellator MMA.

Renan BrunacciOutubro 31, 20184min0
No mês de Outubro tivemos a volta de mais um guerreiro ao cage do Bellator MMA. André Fialho, português determinado que busca o duplo campeonato mundial!

O cage do Bellator MMA está cada vez mais Português.

Portugal não está em crescimento apenas no turismo e desenvolvimento econômico!

Vivemos há alguns anos um momento muito importante no desporto do País.

O exemplo nítido do nosso crescimento é o MMA. Com alguns representantes no mundo das lutas, passamos por uma fase de desconfianças, mas depois de muitos treinos, lutas e guerras vencidas, viemos hoje concretizar o que era esperado.

Fonte: Mundo da Luta Olímpica

O Bellator MMA é a nossa principal montra.

Além do peso-pena Pedro Carvalho, que conquista cada dia mais o seu espaço, temos André Fialho, peso-meio-médio que nesse mês de Outubro conquistou mais uma grande vitória no cage do Bellator.

Fialho não teve um ano muito fácil antes do seu retorno no dia 12 de Outubro, quando encarou o mexicano Javier Torres, de 33 anos.

Fonte: Twitter

Em 2017/18, André teve muitas lutas, mas não em cages e sim consigo próprio. Com algumas lesões, o português precisou lutar contra ferimentos na mão, costela, clavícula e até mesmo no joelho.

Foi horrível”, disse Fialho. ”Eu tive um monte de fraturas e lesões que não me permitiram ser tão activo quando eu queria. Minha cabeça também não estava bem. Minha vida pessoal e, tudo que estava acontecendo influenciou um pouco”.

Fonte: Twitter

O retorno…

Após tudo isso, André Fialho voltou para o mundo que o faz bem, que lhe dá vida. No Bellator 207, fez um das lutas preliminares e mostrou que está com todas as partes do corpo recuperadas, pois foi um excelente guerreiro por 3 rounds de 5 minutos e venceu Javier Torres por decisão dividida dos juízes.

Fialho, que completou 24 anos em Abril, é oriundo da capital portuguesa, mas no momento está morando no sul da Flórida, onde está treinando no Hard Knocks 365 com Henri Hooft e ao lado de Robbie Lawler, Kamaru Usman, Gilbert Burns, Matt Mitrione e outras ”máquinas”do UFC e do Bellator.

”Acredito que sou um profissional agora. Eu não era, agora tenho uma equipa atrás de mim, da nutrição ao treinamento.”

Fialho deu início à sua vida desportiva logo muito cedo junto ao seu pai. Conta ele que com 2 ou 3 anos já dava início ao boxe e com 8 anos já praticava MMA. Classificado por si próprio como ambicioso, trabalhador e honesto, diz que se não fosse lutador de MMA, seria pugilista.

Fonte: Pictame

Um retrospecto invejável!

Mesmo considerando que apenas agora possui maturidade e aprendizados suficiente para ser um bom profissional, Fialho tem um ótimo retrospecto. São 10 vitórias, sendo 7 por nocaute, e apenas 1 derrota.

E com certeza ele não para por aí. Para provar que é realmente ambicioso, André deixou claro em uma entrevista que o seu maior sonho é ser campeão mundial de MMA, mas não em 1 categoria, e sim em 2. O Fair Play vai acompanhar esse gajo e, com muita satisfação, iremos documentar esse sonho!

Fonte: Twitter

E as aparições portuguesas no mundo das lutas não param por aí! Na próxima matéria, iremos conhecer o peso-pesado Domingos Barros, o mais novo contratado da organização Bellator MMA.

 

 


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter