Gabriel Jesus (Palmeiras) - Fair Play


Num campeonato onde não se é possível apontar um craque unânime, Gabriel é, certamente, o maior destaque. Cuca o tirou da ponta e o fez de ponta-de-lança e principal jogador do primeiro turno arrasador do Palmeiras. Nessa posição o jogador chegou à Seleção e brilhou. No segundo turno, visado pela marcação, caiu de rendimento e sofreu com a seca de gols, mas mesmo assim foi o jogador mais participativo do ataque e criou muito perigo aos adversários. Termina a temporada com 12 gols, 5 assistências e uma transferência milionária para o Manchester City. (Foto: Pedro Vilela / Getty Images)

Num campeonato onde não se é possível apontar um craque unânime, Gabriel é, certamente, o maior destaque.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter