Quem ganha a quem no Grupo C do Mundial 2018?

José Nuno QueirósJunho 6, 20183min0

Quem ganha a quem no Grupo C do Mundial 2018?

José Nuno QueirósJunho 6, 20183min0
A candidata França vai entrar no grupo C com um enorme favoritismo para passar no primeiro lugar, mas conseguirão os gauleses mostrar a força dentro do campo, ou vão haver surpresas?

No início do mês de maio lançámos os jogadores-decisivos nos Grupos do Mundial, apresentando algumas estrelas e astros, mas também desconhecidos e novidades que vão deixar o leitor entusiasmados!

Agora juntámos os quatro personagens de cada grupo no mesmo palco para perceber quem vai sair por cima, quem vai passar “à rasquinha” e quem serão os derrotados desta fase de grupos.

No Grupo C relembramos que escolhemos Antoine Griezmann, Jefferson Farfán, Mile Jedinak e Christian Eriksen. Como funciona este frente-a-frente? Vamos juntar partes das análises realizadas, olhar para os dados, perceber as “condições” a nível individual e colectivo e chegar a uma conclusão.

Nota: Referir que desde o lançamento do artigo sobre Jefferson Farfán, a FIFA autorizou a inclusão de Paolo Guerrero no Peru, pelo que, o mesmo só não foi escolhido pela sua, à altura, expectável ausência do Mundial 2018.

O CALENDÁRIO

Os jogos do Grupo C realizam-se a 16, 21 e 26 de junho. As partidas são as seguintes:

Jornada 1
França – Austrália (Kazan Arena) 11h00
Peru – Dinamarca (Mordovia Arena) 17h00

Jornada 2
Dinamarca – Austrália (Arena Samara) 13h00
França – Peru (Arena Ekaterinburg) 16h00

Jornada 3
Austrália – Peru (Estádio Fisht) 15h00
Dinamarca – França (Estádio Lujniki) 15h00

OS DUELOS

Num grupo aparentemente dominado pela França, as decisões parecem ter sido guardadas para a última jornada da fase de grupos com o prato forte a ser o Dinamarca – França.

Apesar do favoritismo estar do lado dos países europeus, o Peru tem vindo a praticar um futebol atrativo e de qualidade que pode surpreender os europeus.

Com a Austrália a partir claramente de trás, um terceiro lugar será já um feito muito bom para a seleção da Oceânia.

Um Peru com a qualidade demonstrada na qualificação até ao Mundial (deixando de fora Chile por exemplo), bem como os jogos particulares, faz com que os peruanos tenham legitimas aspirações de chegar à fase seguinte, sendo o objetivo mínimo o terceiro lugar

Em último lugar será interessante ver como se irá sair a França frente a uma seleção nórdica, depois da derrota frente aos suecos na fase de qualificação.

Fica então a nossa previsão nos duelos:

Jornada 1
França – Austrália GRIEZMANN DÁ UMA LIÇÃO DE BOM FUTEBOL E JEDINAK NÃO TEM PERNAS PARA ELE.
Peru – Dinamarca ERIKSEN ADIANTA OS NÓRDICOS, MAS OS PERUANOS CARREGADOS POR FÁRFAN CHEGAM AO EMPATE.

Jornada 2
Dinamarca – Austrália ERIKSEN CONTROLA O JOGO E GANHA O JOGO E O MEIO CAMPO A JEDINAK.
França – Peru OS PERUANOS DEIXAM BOA IMAGEM MAS A FRANÇA DE GRIEZMANN LEVA A MELHOR.

Jornada 3
Austrália – Peru A AUSTRÁLIA AMEAÇA, MAS O PERU DÁ A VOLTA E VENCE A PARTIDA
Dinamarca – França ERIKSEN FAZ DORES DE CABEÇA AOS FRANCESES, MAS GRIEZMANN CONSEGUE VITÓRIA “MAGRINHA”.

(Fonte: Marca)

QUEM PASSA?

França e Dinamarca são as nossas apostas para seguir em frente. Ambas praticam um futebol mais apoiado e de qualidade superior. No entanto o Peru irá deixar uma boa imagem de si na partida e com uma vitória na jornada inaugural podem fazer estragos. A Austrália vai espelhando o futebol pobre e verde que é praticado na Oceânia em mais uma edição.

Sem facilitismos, os europeus parecem ser claramente mais fortes que Peru e Austrália e sem tropeçarem, chegam ao fim a disputar o primeiro lugar.

Junta-te à Fantasy League do FairPlay e mostra que és o melhor treinador aqui: https://fantasy.realfevr.com/t/73e9eba7


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter