Serie A: O onze do ano para o Fairplay em 2018

José Nuno QueirósJaneiro 12, 20197min0

Serie A: O onze do ano para o Fairplay em 2018

José Nuno QueirósJaneiro 12, 20197min0
2018 já acabou e chegou a altura de fazer balanços sobre a época que terminou em Itália. Quem foram os melhores a atuar na Serie A em 2018? Que jogadores ficaram de fora? O FairPlay elegeu este onze como o melhor da Serie A em 2018.

O ano de 2018 já acabou e como manda a tradição em Janeiro, é altura de eleger os melhores jogadores do ano que passou na Serie A.

Tal como foi feito o ano passado, vamos eleger o onze do ano de 2018 da Serie A, mas com uma pequena alteração. Este ano os jogadores que aturam apenas durante meio ano em Itália, podem (e serão) ser introduzidos neste artigo.

Guarda Redes

Alisson Becker (AS Roma)

Alisson já é nesta altura considerado um dos melhores na sua posição (Fonte: Daily Express)

Na Baliza a nossa opção recaiu sobre Alisson Becker. O talentoso guarda-redes que até Julho defendeu a baliza da AS Roma, tornou-se num muro muito difícil de ultrapassar por parte de todos os pontas de lança. Uma época bastou para o guardião ser transferido para a Premier League e para o Liverpool por um valor record de 62,5M de euros.

Defesas

João Cancelo (Inter / Juventus)

O português catapultou para o estrelato com a sua passagem para Itália (Fonte: Visão de Mercado)

João Cancelo atuou por dois clubes diferentes no ano civil de 2018, o Inter de Milão e a Juventus. Depois de encantar ao serviço do Valencia, o lateral português rumou a Itália e parece já outro jogador. Muito rápido, uma enorme propensão ofensiva e um pulmão inesgotável, fazem de João Cancelo um lateral de excelência e que conseguiu finalmente dar o salto para um dos grandes do futebol mundial, com as suas exibições na Juventus. Está na elite mundial de laterais direitos.

Koulibaly (Nápoles)

O senegalês pode esta na última época na cidade de Nápoles.(Fonte: Goal.com)

Koulibaly voltou a realizar mais um ano excepcional no Nápoles e já é presença habitual nestes exercicíos. Com uma estampa física de excelência, sentido posicional incrível e um controlo excepcional do espaço aéreo, o central está no auge da sua carreira e parece cada fez mais certa a sua saída para um nível mais elevado.

Chiellini (Juventus)

A classe com que aborda cada lance faz com que seja um exemplo a seguir para futuros defesas. (Fonte: lajmi.net)

Giorgio Chiellini. Mais um nome que aparece constantemente nos onzes do ano. A idade parece não avançar para o central italiano da Juventus. Mesmo com 34 anos, continua a ter uma inteligência que lhe permite estar sempre no sítio certo, no momento certo. É o típico central italiano que fez com que o país ficasse conhecido pelos seus defesas. É uma pena que esteja para breve a saída dos relvados deste “Senhor Defesa”.

Médios

Jorginho (Nápoles)

O médio italiano encantou a Serie A, mudou de ares e está agora ao serviço do Chelsea (Fonte: Record)

Jorginho foi mais um nome que esteve apenas meio ano de 2018 em Itália, tendo deixado o Nápoles para ir para o Chelsea a troco de 50M, depois do técnico Sarri ter pedido expressamente a sua contratação. Algo que não aconteceu por acaso. Jorginho foi uma das maiores figuras na última época da Serie A, tendo conseguido aliar a sua inteligência tática, ao seu poderia físico, fazendo dele o pensador e criador de todo o jogo da equipa napolitana.

Matuidi (Juventus)

A vida tem corrido bem em Itália para o médio gaulês (Fonte: Juventus)

o médio francês que é campeão do mundo, tem sido um dos jogadores com mais minutos na equipa da Juventus. Com o seu poderio físico, que faz dele um dos melhores box-to-box da atualidade, Matuidi é uma peça fundamental nos heptacampeões italianos e não parece apresentar sinais de baixar o rendimento num futuro próximo.

Milinkovic Savic (Lazio)

Sergei Milinkovic Svic teve uma série de clubes interessados, ams acabou por ficar na capital italiana. (Fonte: FourFourTwo)

Foi um dos maiores destaques na última época, algo que fez com que todos os holofotes do Mundial estivessem também de olho nele. Acabou por não abandonar a Lazio, mas mesmo assim fez um ano de nível elevado, fazendo deste Sérvio um dos melhores médios na Serie A. A sua criatividade e facilidade de chegar à baliza adversária, fazem de Milinkovic Savic um dos jogadores mais criativos dos campos italianos.

Zielinski (Nápoles)

O polaco tem estado a um nível extraordinário e pode ser mais um grande negócio para o Nápoles (Fonte: AS English)

Uma entrada algo controversa nesta lista, mas o polaco tem sido uma das maiores surpresas da Serie A, principalmente nesta época desportiva. Com um jogo muito correto do ponto de vista da decisão, Zielinski é um pilar importante na construção do jogo do Nápoles, na ligação ao ataque, principalmente na parceria com Allan. Apesar de haver outras opções, Zielinski pode tornar-se um caso sério no futebol mundial, uma vez que tem apenas 25 anos.

Avançados

Mario Mandzukic (Juventus)

Outro grande ano para o croata que tem deliciado os adeptos da Juventus.(Fonte: livefutbol.com)

Mario Mandzukic tem estado numa forma soberba, sendo um dos jogadores mais decisivos na equipa da Juventus. Depois de acabar a última época em grande forma, o croata entrou nesta época ainda mais determinado e tem formado com Ronaldo uma dupla absolutamente letal (quando toda a gente falava de uma ligação Ronaldo- Dybala). Nem o Mundial, onde apresentou um nível altíssimo (marcou na final), cansaram o avançado, que mesmo com 32 anos, leva já 8 golos marcados na Serie A

 Krzysztof Piątek (Genoa)

Piatek já levou várias bolas para casa esta temporada na Serie A (Fonte: BeSoccer)

Os números não enganam no caso de Piatek. Com 13 golos marcados só nesta época o polaco de apenas 23 anos, atravessa o melhor momento da carreira. Com uma veia goleadora incrível, Piatek vai seguramente ser um dos nomes mais badalados no próximo verão. Para já quem vai desfrutando são os adeptos do Genoa, que tem nas suas fileiras um jogador com números apenas comparavéis aos de Cristiano Ronaldo!

Cristiano Ronaldo (Juventus)

As celebrações de Ronaldo são já uma constante na Serie A. (Fonte: India Today)

Não podia faltar nesta lista o melhor jogador do mundo. Com apenas meia época em Itália, o astro português leva já na bagagem uma série de golos na Serie A. Ronaldo já marcou 14 golos e leva já uma série de recordes quebrados na Juventus. Números estratosféricos, mas que no caso de Ronaldo já nem nos surpreendem. Vamos ver o que nos reserva Cristiano este ano.

Para finalizar deixamos menções honrosas para Allan, Chiesa, Icardi, Dybala, Donnarruma, Pellegrini, Politano e Immobile, que podiam facilmente entrar nesta equipa do ano de 2018.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter