A caminho da Bundesliga com selo de garantia “MLS”

Diogo MatosSetembro 15, 20185min0

A caminho da Bundesliga com selo de garantia “MLS”

Diogo MatosSetembro 15, 20185min0
São jovens, irreverentes, atuam na Major League Soccer e têm todo um continente europeu atento a eles. Eis Alphonso Davies e Tyler Adams.

São jovens, irreverentes, atuam na Major League Soccer e têm todo um continente europeu atento a eles. Se Alphonso Davies já foi apresentado como reforço do Bayern Munique, Tyler Adams tem vindo a ser associado com insistência ao RB Leipzig. Seja no próximo ano ou num futuro um pouco mais distante, a verdade é que é apenas uma questão de tempo até os jovens canadiano (no caso de Davies) e norte-americano (no caso de Adams) passarem a brilhar nos grandes palcos europeus.

 

Alphonso Davies – Do campo de refugiados no Gana até à glória em Vancouver

 

Quem vê a felicidade que Alphonso Davies emana quando está dentro de campo, dificilmente imagina aquilo pelo qual o jovem de 17 anos já passou. Filhos de pais liberianos que tiveram de deixar o país devido à guerra civil, o atual jogador dos Vancouver Whitecaps nasceu num campo de refugiados no Gana. Após cinco anos a viver em condições difíceis na cidade de Accra, a família de Davies integrou um programa de realojamento e acabou por se fixar na cidade canadiana de Edmonton. Depois de um período de adaptação, no qual iniciou o seu percurso escolar, o jovem Alphonso começou a destacar-se em equipas da sua cidade, acabando por se mudar para a residência dos Vancouver Whitecaps com 14 anos. Em fevereiro de 2016, o extremo tornou-se o jogador mais jovem a marcar um golo na USL e, em julho, assinou contrato profissional com os Vancouver Whitecaps, tudo isto com 15 anos.

Apesar de ter apenas 17 anos, Alphonso Davies é já um destaques da MLS (Fonte: Sky Sports)

Após oito jogos e uma assistência na edição 2016 da MLS, Alphonso Davies começou a ser aposta mais regular para Carl Robinson na temporada seguinte. Em 2017, o prodígio canadiano apontou quatro golos e fez três assistências em 36 jogos (somatório de todas as competições), isto para além de se ter estreado pela seleção principal do Canadá, onde soma três golos em sete jogos. Se dúvidas existiam quanto ao talento de Alphonso Davies, o atleta de 17 anos tratou de as dissipar este ano. Com seis golos e oito assistências em 27 partidas até ao momento, Alphonso Davies tem-se assumido como um dos jogadores mais desequilibradores da Major League Soccer. Atleta extremamente rápido e com boa capacidade física, o extremo dos Whitecaps tem na polivalência- já chegou a ser utilizado com lateral-esquerdo-, uma das suas armas. Para atingir níveis de topo, Davies tem apenas de melhorar a tomada de decisão, vertente do jogo na qual ainda comete alguns erros.

Depois de ser confirmado como reforço do Bayern Munique por um valor a rondar os 11 milhões de euros (valor recorde na MLS), Alphonso Davies vai ingressar no clube alemão em janeiro de 2019, numa altura em que já terá completado 18 anos. Numa altura em que Robben e Ribery já estão na fase descendente da carreira, terá o jovem canadiano nascido no Gana a capacidade de ser a nova estrela do Bayern Munique?

 

Tyler Adams- “The Beast” made in New York Red Bulls

 

Fazendo uma viagem da Conferência Oeste para a Este, mais concretamente para Nova Iorque, encontramos um dos jogadores mais entusiasmantes da Major League Soccer. Um ano mais velho do que Alphonso Davies, Tyler Adams vai-se assumindo como uma das maiores promessas (se não mesmo a maior, isto tendo em conta que Pulisic é já uma certeza) do futebol norte-americano.

Nascido na cidade de Nova Iorque, o camisola 4 dos New York Red Bulls ingressou na academia do clube aos 12 anos. Depois de percorrer mais de 100 quilómetros diariamente durante vários anos entre casa e as instalações da formação nova-iorquina para treinar, o jovem de 19 anos viu o seu esforço recompensado quando, em 2016, se estreou na Major League Soccer. No ano seguinte, Tyler Adams assumiu-se com titular na equipa na altura orientada por Jesse Marsch, tendo marcado dois golos e feito cinco assistências em 35 jogos, isto para além de se ter estrado pela seleção principal dos EUA. A presente temporada tem vindo a correr de feição ao médio “todo terreno” dos Red Bulls, isto na medida em que soma já um golo e quatro assistências em 30 partidas.

Depois de se ter estreado pela seleção dos EUA frente a Portugal, Tyler Adams apontou o seu primeiro golo frente ao México (Fonte: SB Nation)

Dotada de uma maturidade incomum para a tenra idade que apresenta nos documentos de identificação, Tyler Adams possui uma inteligência tática enorme. Apesar de não ser muito alto (1,76), a capacidade física é uma das suas maiores qualidades (é até tratado por “Beast” por alguns companheiros), sendo, constantemente, um dos jogadores que mais corre nas partidas que disputa. O conhecimento tático anteriormente referido permite-lhe jogar em mais do que uma posição, não sendo de estranhar vê-lo jogar como médio-centro ou mais descaído para a ala direita.

Apesar de ainda não ter sido oficializado qualquer negócio, o internacional norte-americano tem sido associado com insistência ao RB Leipzig, sendo muito provável que esta seja a última temporada de Adams na MLS. Será Adams o novo líder do meio-campo dos Estados Unidos da América?

 

Artigo escrito por Diogo Matos, administrador e fundador da página MLS Portugal.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter