Alvos do mercado europeu que atuam no Brasileirão

Rafael RibeiroMaio 26, 20195min0

Alvos do mercado europeu que atuam no Brasileirão

Rafael RibeiroMaio 26, 20195min0
Depois do Top 5 de promessas, o Fair Play lista os jogadores que estão sob os olhares europeus e tem grande chance de serem os negócios mais falados do Brasil para a Europa.

Após nos referirmos aos jovens promissores que podem despontar nesta edição do Brasileirão 2019, chegou a hora de avaliarmos também aqueles jogadores que, se já não são promessas e sim atletas mais formados em suas equipas, podem ser negociados na próxima janela de transferências, sendo para tal alvos interessantes dentro do Campeonato Brasileiro, que terá parada breve para a Copa América 2019.

O Fair Play lista alguns jogadores (não necessariamente em ordem de interesse, valor de mercado ou qualidade) que inclusive já possuem sondagens divulgadas por diferentes equipas européias, e que poderão aproveitar o início da competição, a Copa América (para aqueles que foram internacionalizados) e o primeiro turno do Brasileirão até a janela se abrir. Vamos a eles:

Éverton (Grêmio)

Éverton Sousa Soares
Extremo
23 anos (22 de Março de 1996)

Éverton já teve sondagens reveladas na última época. Milan (agora menos interessado) e Manchester City foram citados pela mídia brasileira, mas valores na casa de 40 milhões de euros afastam interessados. A verdade é que o Grêmio pode vender o jogador com ofertas próximas a metade do valor estipulado, e com isso o excelente extremo pode fazer suas malas no meio do ano.

O jogador tem exibições muito boas, aliando velocidade, controle de bola, com bons arremates a baliza. Seu jogo no 1×1 também chama a atenção, e até pela soma destas qualidades o jogador foi convocado por Tite para compor o plantel brasileiro na Copa América de 2019, entre Junho e Julho. Com outros jogadores atuando em equipas européias, Éverton será reserva na Copa porém deve ser bastante acionado. Pode confirmar aos interessados que vale a pena investir em seu futebol.

Manchester City é o novo interessado em Éverton, que viu o Milan recuar. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

Pedro (Fluminense)

Pedro Guilherme Abreu dos Santos
Avançado
21 anos (20 de Junho de 1997)

Pedro já não é mais uma promessa, e se mostrou uma realidade ao retornar recentemente de uma lesão mais séria que o afastou do relvado por meses. Deixou de mostrar seu futebol na seleção brasileira em amistosos em 2018 devido a isso. Mas seu retorno aos gramados esta época deixou claro que suas habilidade não foram diminuídas. Antes da lesão, uma proposta oficial do Bordeaux (FRA) foi recusada (algo em torno de 9 milhões de euros) e esta recusa se mostrou acertada, já que seu valor de venda pode ser ainda maior este ano.

Napoli (ITA), Sevilla (ESP) e equipas da Alemanha não reveladas já enviaram representantes para acompanhar o garoto, e desta vez uma saída parece encaminhada. Pedro é um ótimo finalizador, tem boa presença de área e seu controle de bola contra os defesas é imponente. Por isso, é um dos homens de confiança de Fernando Diniz, atual treinador do Fluminense, e que curiosamente trabalha com um esquema tático que privilegia a velocidade, marcação alta e alto número de passes. Ainda assim, Pedro é titular absoluto e conta esta época com a ajuda de Ganso.

Pedro está retornando de lesão mas não deve permanecer por muito tempo no Flu (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)

Cuéllar (Flamengo)

Gustavo Leonardo Cuéllar Gallego
Médio defensivo
26 anos (14 de Outubro de 1992)

Cuéllar está, principalmente nesta época, muito adaptado ao futebol flamenguista e brasileiro. Colombiano de nascimento, o grande marcador está mostrando características mais ofensivas, chegando ao ataque, e até marcando mais gols do que o normal. Já obteve sondagens do futebol italiano e deve ser ainda mais assediado nos próximos meses. Apesar do próprio jogador dizer estar feliz no Flamengo e desconhecer sondagens ou propostas do mercado europeu, a verdade é que o Flamengo também já se prepara para sua saída.

A multa, estipulada em 70 milhões de euros, dificilmente será paga, porém menos do que a metade deste valor fará o Flamengo aceitar sua saída. Rafinha, lateral direito ex-Bayern de Munique, está chegando ao rubro-negro, além de outras contratações pontuais. O principal interessado é o West Ham (ING), que estaria disposto a pagar alto em torno de 28 milhões de euros, algo acima do que a direção da equipa pensava em conseguir.

Cuéllar evoluiu muito em 2019 e pode fazer suas malas rumo ao futebol italiano (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Renan Lodi, Léo Pereira e Bruno Guimarães (Athletico Paranaense)

Lateral esquerdo, Central e Médio ofensivo (respectivamente)
08/04/98 – 31/01/96 – 16/11/97

O trio do Athletico Paranaense está chamando a atenção, tanto brasileira quanto estrangeira. Eles estão, de forma conjunta, sendo o destaque da equipa neste início de época, cada um com suas características. Renan Lodi, lateral esquerdo, já teve uma proposta recusada do Atlético de Madrid, e os demais possuem sondagens confirmadas de Portugal, Itália e Ucrânia. Bruno Guimarães poderia servir de substituto para o brasileiro Gabriel no Benfica, enquanto o central Léo Pereira interessa ao Lyon (FRA).

Renan Lodi tem um ótimo lançamento e cruzamento, e tem ajudado o Athletico a conquistar pontos por seus passes para golo. A marcação de adversários ainda precisa ser melhorada, porém é algo visto de forma bem tranquila por quem o deseja. Léo Pereira, apesar de ser o mais novo, já mostra sinais de experiência e liderança na equipa. E Bruno Guimarães, que faz tanto posições defensivas quanto ofensivas no meio campo, é um jogador que se adapta facilmente a estilos de jogos, sendo muito versátil.

Do trio paranaense, Bruno Guimarães (ao centro) interessa ao Porto e ao Benfica, para substituir Gabriel (Foto: Albari Rosa)

Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter