Os 5 jogos a ver na primeira fase do Mundial Rússia 2018

Rafael RibeiroJunho 9, 20184min0

Os 5 jogos a ver na primeira fase do Mundial Rússia 2018

Rafael RibeiroJunho 9, 20184min0
A Copa do Mundo está próxima de seu início e para não perder nada do maior evento entre seleções do futebol mundial o Fair Play destaca cinco jogos de alto destaque nesta fase-de-grupos.

Com o pontapé inicial dado por Rússia e Arábia Saudita no dia 14 de Junho, terão início os jogos mundiais mais esperados desde 2014: o Mundial da Rússia. Com jogos emocionantes já nesta fase-de-grupos, o Fair Play tratou de juntar cinco jogos que não se pode perder neste início de Mundial. Colocamos os jogos em ordem de data, assim a lista se dá na medida em que os jogos acontecerão.

15/06, as 19:00 – pelo Grupo B: Portugal x Espanha

Portugal e Espanha farão nesta fase o clássico europeu mais esperado do Mundial. Nas eliminatórias europeias, Portugal ficou em primeiro lugar no grupo B, enquanto a Espanha também ficou na primeira posição pelo grupo G. Ambas terminaram a competição com nove vitórias, mostrando um bom domínio nos confrontos dos grupos. Favoritas a passarem de fase no Mundial, este primeiro embate pode definir quem sairá líder do grupo, e ter vida mais fácil nas oitavas (se é que isto seja possível no Mundial). Este duelo já foi visto em Mundial, nas oitavas da Copa do Mundo na África do Sul em 2010, com vitória para a Espanha, que se consagraria campeã, por 1×0.

16/06, as 14:00 – pelo Grupo D: Argentina x Islândia

A bi-campeã Argentina enfrentará a Islândia, sensação do Mundial, país com menor população a jogar uma Copa do Mundo, e que aparece na competição pela primeira vez. Além disso, este confronto é inédito até mesmo fora de mundiais, já que as equipes nunca se enfrentaram. A Argentina passou por momentos irregulares nas eliminatórias, até mesmo com troca de treinador (Sampaoli assumiu após Edgardo Bauza). Já a Islândia arrancou um surpreendente primeiro lugar no grupo I das eliminatórias europeias, mesmo grupo de Croácia e Turquia.

Messi conseguirá levar a Argentina a mais uma final de Mundial? (Foto: Getty Images)

21/06, as 16:00 – pelo grupo C: França x Peru

No que parece ser a tarefa mais difícil para a França, uma das favoritas na competição, enfrentar a seleção peruana pode ser peça importante na trajetória da equipe. Da mesma forma, se o Peru quiser seguir no Mundial, terá de fazer frente aos franceses, já que disputa uma virtual segunda colocação com Austrália e Dinamarca. Pelo lado europeu, Griezmann e Mbappé podem aterrorizar qualquer defesa, enquanto do lado sulamericano, Guerrero está de volta após ser liberado de uma descoberta de doping, ao lado do criativo e decisivo Cueva.

França é uma das favoritas na Rússia (Foto: Getty Images)

23/06, as 19:00 – pelo Grupo F: Alemanha x Suécia

Aqui também temos o principal embate para outra favorita, a Alemanha. Mesmo sem Ibrahimovic, a Suécia ficou a frente da Holanda nas eliminatórias europeias, e só ficou atrás da própria França. Alemanha e Suécia já se enfrentaram quatro vezes em mundiais, com três vitórias alemãs e um empate, e essa invencibilidade coloca um tabu a mais na partida, já que o último confronto (no Mundial de 2006) marcou uma eliminação dos alemães sobre os suecos nas oitavas. Os atuais campeões têm uma ótima continuidade de trabalho, e certamente a mescla entre jogadores experientes e jovens promessas poderá dar resultado imediato.

A Alemanha eliminou a Suécia no Mundial de 2006 (Foto: Reprodução)

28/06, as 19:00 – pelo Grupo G: Inglaterra x Bélgica

Para fechar nossa lista em alto nível, outro grande confronto europeu que também fecha a fase-de-grupos deste mundial. Último jogo da primeira fase, ingleses e belgas poderão neste jogo definir quem será o líder do grupo G. Invicta nas eliminatórias, a Bélgica tem tudo para ser destaque neste mundial (pelo menos no papel). Com jogadores de alto nível, como De Bruyne, Lukaku e Courtois, enfrentarão uma esperançosa Inglaterra, depois de ficar pelo caminho já na fase-de-grupos do Mundial no Brasil. Destaque para Harry Kane, os jovens Sterling e Rashford, e o equilíbrio de Dele Alli.

Inglaterra e Bélgica em amistoso de 2002 (Foto: Ian Walton/Getty Images)

Para aproveitar ainda mais estes jogos e o Mundial como um todo, entra na Liga ‘Fair Play’ e joga connosco a World Fantasy:

Fantasy.realfevr.com/t/73e9eba7


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter