Stranger Rules: Podes lutar, mas nunca tirar a camisola

Rui MesquitaAbril 12, 20203min0

Stranger Rules: Podes lutar, mas nunca tirar a camisola

Rui MesquitaAbril 12, 20203min0
A NHL é famosa pelas suas lutas, mas é proibido tirar a camisola durante a luta. Mais uma regra estranha do mundo do desporto!

Hóquei no gelo é um desporto famoso e muito praticado, nomeadamente na América do Norte. A NHL, a liga norte americana o desporto é das ligas mais mediáticas do mundo e é muito conhecida pelas suas… lutas.

Sim, é um desporto violento, agressivo e com muitas lutas. Os jogadores envolvem-se frequentemente em lutas violentas e os árbitros só depois de algum tempo intervêm para parar a “porrada”. Faz parte do espetáculo do hóquei e da NHL e ninguém quer que isso mude. Não, a regra estranha de hoje não envolve parar ou incentivar as lutas, mas sim regras quanto à forma como os jogadores podem lutar.

A NHL é famosa pelas suas lutas em pleno jogo (Foto: NHL.com)

É verdade. É permitido lutar, só não se pode lutar de qualquer maneira. Há regras sobre o que podes ou não fazer quando estás a lutar.

A regra e o que levou a ela

A regra diz que um jogador que se envolva numa luta e que tire a sua camisola durante a luta é expulso do jogo. O quê? Tirar a camisola? Mas que vantagem traz tirar a camisola durante uma luta? Normalmente jogadores fazem isto propositadamente para serem mais difíceis de agarrar e lutarem mais livremente.

A NHL diz que criou a regra de forma a proteger os jogadores. Alguns jogadores que tentavam tirar a camisola acabavam com ela presa no capacete e tornavam-se um saco de pancada em patins. Isto porque a regra também penaliza com expulsão um jogador que tire a camisola de um adversário. Assim, se virem uma luta na NHL em que haja um jogador em tronco nu já sabem, alguém vai ser expulso. E não, não é por causa da luta.

Rob Ray a lutar sem camisola durante um jogo (Foto: Buffalo News)

A regra ficou conhecida como a “Regra Rob Ray”, em honra de um jogador da altura. Rob Ray envolvia-se em várias lutas, como um jogador de hóquei deve fazer. E ficou conhecido por tirar sempre a camisola durante estas lutas. Rob dizia que não o fazia de forma pensada, para ter vantagem na luta. Dizia que era algo instintivo, que nem sabe bem como surgiu.

A verdade é que a NHL foi implacável e definiu que todos os jogadores seriam expulsos caso tirassem a camisola.

As ironias e o que seria noutros desportos

A ironia da história e da regra é a NHL permitir lutas e aplicar sansões mais pesadas por tirarem a camisola do que por lutarem. É algo estranho para quem só segue outros desportos, mas parece fazer sentido dentro do hóquei. É um espetáculo dentro do jogo mas, como civilização que somos, temos que estabelecer regras, mesmo dentro da loucura de uma luta.

Lutas dentro de campo, tudo bem. Lutas sem camisola é que não. Mas para a realidade de outros desportos é algo impensável. Quando vemos, no nosso futebol, discussões e atitudes mais agressivas pedimos (e bem) castigos pesados. É impensável vermos autênticas batalhas campais com árbitros e polícias a não intervirem.

A verdade é que, com a regra de se dar amarelo a quem tira a camisola no festejo de um golo, é plausível expulsar quem o faz numa luta. Noutros desportos, como o basquete, agressões são severamente punidas e é irrelevante se o jogador tem ou não camisola. A NHL é outro mundo no que a lutas diz respeito, mas com regras e, podemos dizer, um dress code!


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter