19 Fev, 2018

[Aqua Moments] Portugal nos Europeus

João BastosDezembro 10, 20177min0

[Aqua Moments] Portugal nos Europeus

João BastosDezembro 10, 20177min0
Hoje relembramos um feito lusitano na natação internacional. Em semana de Campeonatos da Europa de Piscina Curta, recorde os pódios nacionais

O Fair Play continua a sua série de artigos que recordarão momentos históricos da natação. O Aqua Moments olhará para o retrovisor e reviverá marcos incontornáveis da história da modalidade


Em semana de Europeus de Piscina Curta, recordamos os êxitos obtidos pelos nadadores portugueses, naquela que é a prova internacional de nível absoluto onde Portugal mais vezes subiu ao pódio. Ao todo foram 4 vezes, da responsabilidade de dois nadadores: José Couto e Diogo Carvalho.

Neste episódio do Aqua Moments, lembramos como ambos chegaram às medalhas.

Antes disso, um pouco da história destes campeonatos.

O Campeonato da Europa de Piscina Curta é uma competição relativamente recente, organizada pela Liga Europeia de Natação desde 1996, na sequência do campeonato que se realizou anualmente nos quatro anos anteriores, designado por Campeonato Europeu de Sprint.

Os Europeus constituíram-se como uma competição anual entre os anos de 1998 e 2013, mas para conciliar o calendário internacional com os Mundiais de Piscina Curta, desde 2013 que passaram a ter uma periodicidade bienal, disputando-se este ano, em Copenhaga, a 19ª edição. A Dinamarca que só recebeu a organização destes campeonatos pela primeira vez em 2013, mas apenas duas edições depois volta a acolher a nata da natação europeia.

Portugal também consta da lista de organizadores deste evento. Foi em 1999 no Jamor, uma edição de boa memória para a natação portuguesa, como veremos mais à frente.

A Alemanha é a grande dominadora do medalheiro com 137 medalhas de ouro, num total de 373 que a bandeira alemã foi içada nos palcos dos Europeus. No total das 18 edições já disputadas, por 11 vezes os germânicos acabaram lideres do medalheiro, com particular incidência no início do século XXI, quando foi a nação que mais ouro venceu em 7 edições consecutivas, algo que dificilmente se repetirá este ano, face ao estado actual da natação alemã.

Portugal ocupa a 33ª posição do medalheiro com uma prata e três bronzes e irá a Copenhaga com uma equipa de oito nadadores, com o objectivo de aumentar a galeria de medalhados em Europeus de Curta, onde apenas residem os nadadores que enfatizamos de seguida:

José Couto 1999

A edição de 1999 já seria a de maior destaque para os portugueses (não só para a comunidade aquática) pelo facto de se realizar na piscina olímpica do Jamor, convertida em piscina curta, mas o brucista, na altura nadador do Sporting, José Couto abrilhantou ainda mais a edição portuguesa dos CEPC.

Há exactamente 18 anos (dia 10 de Dezembro de 1999), Couto nadou a final dos 100 bruços no tempo de 59.70, ligeiramente aquém do que fizera nas meias finais e que constituiu record nacional (59.62). José Couto, o primeiro português a nadar os 100 bruços abaixo do minuto, conquistou o bronze perante o seu público, partilhando pódio com Roman Sloudnov – o primeiro homem a nadar os 100 bruços abaixo do minuto, mas em piscina longa – e com Patrick Isaksson na posição de prata.

O bronze de Couto gerou tanto de alegria como de expectativa, já que era sabido que o brucista ainda era melhor nos 200 metros do que nos 100, e se aos 100 tinha sido bronze…

A final dos 200 foi no dia seguinte à final dos 100, ou seja, dia 11 de Dezembro. Couto apurara-se com o sexto tempo para a final e, por isso, não era dos principais candidatos às medalhas, apesar de ter nesse ano baixado dos 2:10 pela primeira vez e, se nadasse a esse nível na final, dificilmente ficaria fora do pódio.

O que é certo é que o português se apurou com 2:14.17, o que poderia ter sido um perigoso bluff nas eliminatórias, como o tempo que acabou por fazer aos 100 assim o indicava.

À passagem aos 100 metros, Couto virou na 5ª posição, com a prata perfeitamente ao seu alcance (o francês Stéphan Perrot já ia muito à frente de todos os adversários). Uma segunda metade à imagem de José Couto, ou seja, a vir de trás para a frente, levou-o a mais uma medalha, desta feita a de prata, o metal mais valioso que Portugal obteve em Europeus de Piscina Curta, até hoje.

Relembre os 200 bruços de José Couto na emissão Eurosport narrada por Nuno Figueiredo e com comentários de José Eduardo:

Diogo Carvalho 2013 e 2015

Depois de Couto, foram precisos 14 anos para voltarmos a ver a bandeira portuguesa içada no mastro dos Campeonatos da Europa. Há 4 anos foi Diogo Carvalho o responsável por encher de orgulho a natação portuguesa.

Também na Dinamarca (poderá ser um bom presságio para a edição deste ano), mas na cidade de Herning, o nadador do Galitos de Aveiro escreveu o seu nome no Hall of Fame europeu ao atingir a medalha de bronze na prova de 200 metros estilos.

Diogo nadou no tempo de 1:54.89, subindo ao pódio na companhia do alemão Philip Heintz e do sueco Simon Sjödin.

Dois anos depois, Diogo já era visto pelos adversários com outros olhos, não só pela medalha mas porque também nos 400 estilos tinha atingido a final em Herning (foi 5º).

Para além disso, para a final de Netanya (local que acolheu os Europeus de 2015), Diogo já se tinha apurado com o terceiro melhor tempo das eliminatórias. O próprio nadador do Galitos já se impunha a si próprio mais objectivos do que aqueles que levou para Herning.

Na final de Netanya – onde também estava Alexis Santos – Diogo partiu determinadíssimo e concluiu o percurso de mariposa na 2ª posição, apenas atrás de Laszlo Cseh, posição que conservou no final do percurso de costas…e no final de percurso de bruços. A 50 metros de concluir a prova, Diogo ia bem posicionado para obter a prata e num tempo que o levaria, com certeza, ao record nacional. O húngaro Laszlo Cseh já ia bem destacado e no final acabou por bater o record europeu com 1:51.36.

Já Diogo não conseguiu resistir a um percurso de livres fortíssimo do campeão em título, Philip Heintz, que terminou a prova em 26.91 (só ele e Cseh nadaram os 50 livres na casa dos 26 segundos), atirando Diogo Carvalho, de novo, para a posição de bronze, mas desta vez com record nacional de 1:53.98.

Foto: COP

Copenhaga 2017

Portugal estará representado nos Europeus de Piscina Curta com oito nadadores, que tentarão repetir os feitos históricos de Couto e Carvalho.

Desde logo, Diogo Carvalho volta a estar presente, tentando chegar novamente ao pódio nos 200 estilos, mas também nos 100 estilos e 200 mariposa.

Alexis Santos também nadará os 100 e 200 estilos, para além dos 50 costas e 200 livres.

Diana Durães também nadará os 100 estilos e ainda os 200, 400 e 800 livres.

Gabriel Lopes é mais um nadador português nos 100 e 200 estilos e também nadará 400 estilos, os 50 mariposa, 50 costas e 200 mariposa.

João Vital representará Portugal nos 400 livres, 400 estilos, 200 estilos e 200 mariposa.

Miguel Nascimento está inscrito nos 50, 100 e 200 livres e ainda nos 200 mariposa.

Tamila Holub volta ao velho continente para nadar 400 e 800 livres.

Victoria Kaminskaya alinhará nos 200 e 400 estilos, 200 mariposa e 200 bruços

Europeus é na Eurosport

A Eurosport será o canal que transmitirá os Campeonatos da Europa de Piscina Curta.

De sexta-feira, dia 15, até domingo, dia 17, acompanhe na Eurosport 2 as jornadas de finais, com comentários do editor Fair Play para a natação, João Bastos.

Tome nota dos horários:

  • Dia 15 de Dezembro, das 21:30 às 22:30
  • Dia 16 de Dezembro, das 16:30 às 18:00
  • Dia 17 de Dezembro, das 16:00 às 18:15

Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS




Newsletter


Categorias


newsletter