18 Nov, 2017

Primera Divisón – Três Reforços para os Grandes

Diogo AlvesJunho 17, 20175min0

Primera Divisón – Três Reforços para os Grandes

Diogo AlvesJunho 17, 20175min0

Entre o mês de fim de campeonato e de reinício de treinos, Junho é a altura de “todos os sonhos” para os adeptos: quem será a nova estrela, um “diamante” por lapidar ou uma lenda que pode assinar por um dos ditos Grandes portugueses. Três jogadores da Primera Divisón Argentina que podem ingressar no FC Porto, SL Benfica ou Sporting CP.

Argentina continua a ser um viveiro de futebolistas, lá nascem os ‘pibes’ que mais tarde poderão triunfar no continente europeu. Todos têm ambição de seguir as pisadas de ídolos como Mário Kempes, Maradona, Lionel Messi ou Juan Román Riquelme. O campeonato português continua a ser uma porta aberta para a entrada de jogadores vindos da Primera Divisón, e os exemplos de sucesso multiplicaram-se na última década. Por Portugal já passaram os espampanantes Caniggia e Osvaldo, os goleadores Acosta e Lisandro, e, os mágicos Aimar, Lucho e Gaitán.

JOSÉ LUIS GÓMEZ

Posição: Lateral-Direito

Idade: 23

Nacionalidade: Argentino

Clube: Lanús

Valor de Mercado: 5,00M€

Natural do norte da cidade de Santiago del Estero, José Luis Gomez é um produto da famosíssima escola do Racing de Avellaneda, “La Academia”, uma das formações mais prestigiadas da Argentina. O Cafú santigueño mudou-se para o Lanús e tem crescido imenso com esta experiência no clube de Buenos Aires. A boa época ao serviço do campeão argentino já valeu a chamada por Jorge Sampaoli à selecção.

Jogador bastante energético e com uma velocidade estonteante. É um lateral moderno com uma enorme propensão ofensiva e pensa como um extremo. A resistência é um dos seus pontos fortes, farta-se de correr para cima e para baixo ao longo do corredor direito, e, utiliza a sua boa capacidade física tanto para atacar como para defender.

Garante sempre bastante amplitude e profundidade ao longo da faixa e oferece bastante ao processo ofensivo, tem chegada a zonas de finalização e evidencia uma boa capacidade de passe ou cruzamento. Na fase defensiva utiliza bastante a antecipação para roubar a bola ao adversário ainda em zonas adiantadas do terreno. Concentrado e contundente a defender, ainda assim é um dos pontos débeis e vindo para a Europa poderia melhorar esse aspecto.

Os três grandes, ao que tudo indicia, poderão estar à procura de mais um lateral direito para os seus plantéis, por diferentes razões. José Luis Gómez seria uma boa contratação.

EMILIANO RIGONI

Posição: Extremo-Direito / Extremo-Esquerdo

Idade: 24

Nacionalidade: Argentina

Clube: Independiente

Valor de Mercado: 4,50M€

Emiliano Rigoni é um dos valores mais emergentes do campeonato argentino e que já desperta cobiça na Europa. Recentemente foi apontado ao Sport Lisboa e Benfica. Natural de Colonia Caroya, província de Córdoba. Um viveiro de grandes jogadores. Foi no clube local, o Belgrano que deu nas vistas e mereceu atenção especial do Independiente que o contratou em 2015 numa transferência a rondar o 1,55M€.

Tem sido um dos grandes destaques do Independiente, predominantemente joga como extremo-direito, onde se sente como peixe na água, mas, também deriva bastantes vezes para o corredor central e pontualmente actua como extremo-esquerdo. As diagonais a invadir zonas interiores (vindo de zonas exteriores) são uma das imagens de marca.

É ambidestro, mas utiliza mais o pé-esquerdo. Capacidade de drible bastante acima da média, rápido e um bom batedor de bolas paradas. Jogador muito criativo que utiliza as diagonais para muitas vezes arriscar com passes em ruptura entre central e lateral adversário. Esta época já apontou 10 golos, para um extremo é um número bastante bom.

Certamente que caberia em qualquer plantel dos grandes.

LAUTARO MARTÍNEZ

Posição: Avançado

Idade: 19

Nacionalidade: Argentina

Clube: Racing

Valor de Mercado: 2,50M€

Mais uma pérola que sai de “La Academia” e já ingressou na equipa principal do Racing. Companheiro de Lisandro López e Gustavo Bou, o avançado de somente 19 anos é apontado como o próximo Gabriel Batistuta, mas, quem ele admira mesmo é o ex-FC Porto, Radamel Falcao.

Apontado aos “Dragões” no decorrer do Mundial de Sub-20, o artilheiro do Racing bem pode dizer que, foi o primeiro jogador a ser expulso pelo vídeo-árbitro numa grande competição. Essa medalha já ninguém lhe tira. Apesar do desempenho pouco efectivo da Argentina no Mundial – não passaram a fase de grupos – o goleador ainda conseguiu fazer o gosto ao pé por duas ocasiões.

Grande capacidade de trabalho e uma grande entrega ao jogo, é um ponta de lança que vive dentro da área e procura enganar os defesas com movimentações rápidas aparecendo vindo do “nada”. A sua boa antecipação e leitura do jogo são um ponto a ter em conta, além da qualidade técnica q.b e uma capacidade de remate muito bom, seja de primeira (já marcou belos golos) ou de forma mais trabalhada. No jogo aéreo também mostra qualidades.

Certamente que seria uma contratação a ter em conta pelo FC Porto que viu André Silva ser vendido há dias, mas para Sporting e Benfica seria um óptimo backup aos seus goleadores.


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS




Newsletter


Categorias


newsletter