23 Out, 2017

Destaques da Copa São Paulo 2017

Victor AbussafiJaneiro 29, 20175min0

Destaques da Copa São Paulo 2017

Victor AbussafiJaneiro 29, 20175min0

A tradicional competição de início de ano no Brasil, e mais famosa competição nacional de júniores, terminou no último dia 25. A tradicional final, disputada sempre no dia do aniversário da cidade de São Paulo e no estádio do Pacaembu, marcou o décimo título do Corinthians e encerrou o mês de maior vitrine para os jovens aspirantes a profissionais de futebol.

A Copa São Paulo de Futebol Júnior, carinhosamente chamada de Copinha, já revelou jogadores como Fred, Kaká, Rogério Ceni, Dida, Oscar, Lucas Moura, Neymar e tantos outros. Em 2015, um dos destaques da competição foi Gabriel Jesus, que em menos de 2 anos assumiu a camisa 9 da Seleção Brasileira e chegou ao Manchester City cheio de expectativas.

Um das revelações do ano passado é agora jogador do Futebol Clube do Porto. Inácio, lateral esquerdo envolvido na negociação com o São Paulo por Maicon, brilhou no sub-20 do Tricolor Paulista.

Portanto, é dos campos enlameados pelas chuvas de verão que nascem alguns dos maiores talentos do grande celeiro de craques que é o Brasil. E nesse ano de 2017, em que os clubes olham para a base como a salvação para reforçar os elencos, quando falta dinheiro para investir em novos jogadores, é especialmente importante ter os olheiros a postos para não perder o próximo Gabriel Jesus. O Fair Play ajuda nessa missão e lista aqui alguns dos melhores talentos que apareceram nessa edição da Copa São Paulo. 

O Campeão

Jogadores comemoram a conquista da décima Copinha (Foto: Ag. Corinthians)

Em grave crise financeira e política, o Corinthians venceu sua décima Copa São Paulo na final contra o Batatais, clube do interior de São Paulo, e, mais importante, viu surgir promessas que podem ser importantes num elenco profissional que precisa de mais qualidade. Pelo menos 4 jogadores devem ser aproveitados no time principal, com a vantagem de serem comandados por um ex-treinador da formação alvinegra, Fabio Carrile. São eles:

Pedrinho (Médio, Corinthians) –  Com apenas 18 anos (a competição é sub-20), o habilidoso meia do Corinthians foi o melhor jogador da competição. Principal responsável por criar jogadas num ataque goleador, o jovem chamou a atenção de todos com os seus dribles em velocidade. Com bom remate de longa distância, com uma perna esquerda poderosa, Pedrinho fez golos importantes e ainda ajudou a consagrar seus companheiros de ataque, com 5 assistências.

Carlinhos (Ponta de lança, Corinthians) – O principal beneficiado pelas assistências de Pedrinho foi, também, fundamental para o título corintiano. Artilheiro da competição (11 golos), o avançado de 1,95m com facilidade no jogo aéreo deve brigar por uma chance com Jô e Kazim Richards no time principal.

Vinicius Del’Amore (Defesa central, Corinthians) – Não foi só o golo decisivo para a classificação corintiana contra o Flamengo, nos quartos-de-final, que fez o defensor ser um dos destaques da competição. Jogando sua última Copinha, por fazer 20 anos, o defensor é um “zagueiro-zagueiro” no vocabulário popular brasileiro, ou seja, um defensor com “cara de mal”, que joga simples e duro, mas cria muitas dificuldades para os adversários. Recebeu sondagem da Lazio, pela possibilidade de se naturalizar italiano.

Guilherme Mantuan (Médio, Corinthians) – Capitão da equipa na conquista, o jogador é polivalente e pode jogar de lateral, volante ou médio. Apesar da forte concorrência no time principal, foi um dos destaques do onze campeão pela regularidade. A capacidade de jogar em varias posições deve garantir um lugar entre os profissionais.

Outros destaques

Gerson (Guarda-redes, Batatais) – A Copinha sempre nos dá bons jogadores e ótimas histórias. É o caso de Gerson, jovem guarda-redes do vice-campeão Batatais e um dos principais responsáveis pela inédita final disputada pelo clube do interior paulista. Ele chegou a abandonar o futebol, quando tinha proposta do Sporting, por conta de uma forte depressão decorrente da morte da irmã, em um acidente de carro. Convencido pelos amigos a disputar esta Copa São Paulo, e assumidamente fora de forma, o jovem defendeu três pênaltis nas quartas-de-final e agora precisará repensar seu futuro.

Vinícius Júnior (Avançado, Flamengo) – Com apenas 16 anos, o brilho do jovem meia-atacante do Flamengo chamou a atenção do Barcelona. É o principal jogador da Seleção Brasileira sub-17 e foi, talvez, o jogador com maior potencial a disputar a competição desse ano. Em campo, com quatro golos, cinco assistências e diversas jogadas de efeito, tem tudo para ser um dos próximos grandes talentos do Brasil.

Éder Militão (Defesa central, São Paulo) – Tendo atraído o interesse de Chelsea e Benfica, antes de assinar contrato profissional com o São Paulo no ano passado, Éder é um jogador de grande qualidade técnica. Podendo jogar tanto de defesa central, como de trinco, o jogador tem grande qualidade no passe e facilidade para se antecipar aos avançados. Dizem que tem personalidade difícil, mas deve receber chances em breve nos profissionais.

Brayan (Médio, Paulista de Jundiaí) – Um jogador decisivo, que faz a bola circular e jogo ganhar velocidade em no máximo dois toques na bola. Canhoto, um médio com boa capacidade de criação e finalização, carência de quase todos os clubes da Série A do Brasil. Não deve ficar no Paulista por muito tempo.

Foram muitos os destaques e, certamente, muitos deles terão espaço nos profissionais ou serão negociados com clubes maiores nos próximos meses. Acha que faltou alguém? Deixe sua opinião nos comentários e aumente a lista à vontade!


Entre na discussão


Quem somos

É com Fair Play que pretendemos trazer uma diversificada panóplia de assuntos e temas. A análise ao detalhe que definiu o jogo; a perspectiva histórica que faz sentido enquadrar; a equipa que tacticamente tem subjugado os seus concorrentes; a individualidade que teima em não deixar de brilhar – é tudo disso que é feito o Fair Play. Que o leitor poderá e deverá não só ler e acompanhar, mas dele participar, através do comentário, fomentando, assim, ainda mais o debate e a partilha.


CONTACTE-NOS



newsletter